Cultura, S. João da Madeira

Exposição de fotografias mostra a Praça de S. João da Madeira de outros tempos

As celebrações dos 95 anos da Emancipação Concelhia de S. João da Madeira abriram, na última sexta-feira, com a inauguração da exposição de fotografias “A Praça”, patente na Biblioteca Municipal, que está a comemorar o seu 60.º aniversário.

Retoma-se, assim, uma das primeiras exposições que esse equipamento cultural acolheu no início dos anos 60, logo após a sua inauguração, reunindo, então, imagens captadas pela objetiva do sanjoanense Carlos Costa, uma referência na fotografia na cidade e na região.

Com base nessas fotografias, esta exposição dá a conhecer a evolução da Praça Luís Ribeiro desde o início do século XX até aos nossos dias, passando também pela intervenção arquitetónica de Raul Lino, que se referia a esse local do centro cívico de S. João da Madeira como “sala de estar” dos sanjoanenses.

Sustentando que “as bibliotecas são lugares que podem salvar o mundo”, o Presidente da Câmara Municipal de S. João da Madeira, Jorge Sequeira, destacou os serviços “muito relevantes” que a Biblioteca Municipal Dr. Renato Araújo tem prestado ao público em geral e às escolas desde a sua abertura em 1961.

Referindo-se à exposição agora inaugurada, o autarca realçou que Carlos Costa foi um “grande fotógrafo e grande sanjoanense”, cuja vida motivou a edição há pouco tempo, por parte do Município, de um livro da autoria do seu filho José Duarte Costa e de Daniel Neto, que “teve uma aceitação absolutamente extraordinária”.

Para Jorge Sequeira, “esta exposição acontece num momento especialmente oportuno” pois permite “recordar como foi a Praça”, que beneficiou recentemente de “uma intervenção de requalificação urbana que era necessária atendendo ao ponto em que se encontrava”.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *