S. João da Madeira, Sociedade

S. João da Madeira ganhou população em 10 anos

De acordo com os dados preliminares dos Censos 2021, são 22.162 as pessoas residentes em S. João da Madeira, um registo acima do que se verificava na edição anterior deste recenseamento geral da população, realizada em 2011, quando esse número era de 21.713.

Isto significa que a população sanjoanense cresceu 2,1%, uma taxa positiva que contrasta com o decréscimo de população registado a nível nacional (-2,0%), tendência que é também predominante na região, ainda de acordo com os resultados divulgados nesta quarta-feira pelo Instituto Nacional de Estatística.

S. João da Madeira é mesmo o Município com maior crescimento populacional em termos percentuais na Área Metropolitana do Porto (AMP), sendo que globalmente a AMP teve uma redução de 1,3%.

“Atratividade do território”

Para o Presidente da Câmara de S. João da Madeira, estes “são indicadores muito positivos, reveladores, não obstante a crise demográfica em curso, que o nosso concelho cresce em população, reflexo da atratividade e interesse do nosso território”.

Jorge Vultos Sequeira, considera tratar-se de dados “muito estimulantes para o futuro”, num quadro em que autarquia tem em curso uma “nova política de habitação”, que tem por base a Estratégia Local de Habitação, recentemente aprovada e que “garante ao Município um financiamento estatal de 6 milhões euros”.

Decréscimo da população de Portugal

Numa apresentação de resultados desta quarta-feira, que decorreu online, o INE revelou que, segundo os dados preliminares dos Censos 2021, “na última década Portugal regista um decréscimo populacional de 2,0%”, tendo-se acentuado o “padrão de litoralização e concentração da população junto da capital”.

Assim, “o Algarve e a Área Metropolitana de Lisboa são as únicas regiões que registam um crescimento da população, sendo o Alentejo aquela que regista o decréscimo mais expressivo”.

Se precisa de Empresa de web design pode ver a Livetech

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *