Educação, Sociedade, Trofa

Mais ecopontos e eco bags nas escolas do 1º ciclo de Trofa

Está concluído o processo de apetrechamento das escolas do 1º ciclo do concelho no que toca a ecopontos e eco bags, uma aposta resultante da parceria entre a Resinorte, a Câmara Municipal da Trofa e a Trofáguas. Desde dezembro do ano passado, há mais de meia centena de ecopontos disponíveis nas escolas do Município, bem como mais de 130 eco bags em contexto de sala de aula.

Foi uma das ações que marcaram a aposta do Município na sensibilização ambiental no ano de 2019. Desde dezembro, as escolas do 1º ciclo no concelho da Trofa contam com ecopontos exteriores e eco bags em contexto de sala de aula, uma medida que abrange mais de 1700 alunos.

Dando resposta às necessidades específicas de cada escola, foram colocados, ao todo, 51 novos ecopontos exteriores de 240 L, 17 deles azuis e 34 amarelos. Com o objetivo de fomentar a separação, as escolas da Trofa dispõem ainda de mais de 130 eco bags em contexto de sala de aula, o que permite aos alunos começar a separação de resíduos dentro da própria sala, fazendo desta uma temática também de caráter letivo.

A ação, dinamizada pela Resinorte em parceria com a Câmara Municipal e a Trofáguas, abrangeu o Agrupamento de Escolas de Coronado e Castro – EB1/JI de Estação, EB de Giesta 1, JI de Giesta, EB1/JI de Cerro 1, EB1/JI de Cerro 2, EB1/JI de Quereledo, EB1/JI de Portela, EB1/JI de Feira Nova, EB1/JI de Fonteleite e EB1/JI de Vila.

Também o Agrupamento de Escolas da Trofa beneficiou deste apetrechamento, concretamente a EB1/JI de Bairros, a EB1/JI de Lagoa, a EB1/JI de Cedões, EB1/JI de Esprela, EB1/JI de Paranho, EB1/JI de Finzes e EB1/JI de Paradela.

Para 2020, a Câmara Municipal tem prevista a continuação da aposta na sensibilização ambiental, nomeadamente em contexto escolar, através da parceria com a Resinorte, entidade responsável pelo tratamento e valorização dos resíduos sólidos do Município.

Se precisa de gestão de redes sociais pode ver a Livetech

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *