Cultura, S. João da Madeira

Festival literário “Poesia à Mesa” em S. João da Madeira abre com Pedro Lamares e Lúcia Moniz

A amizade de Sophia de Mello Breyner Andresen e Jorge de Sena é celebrada na Casa da Criatividade por Pedro Lamares e Lúcia Moniz, num espetáculo intitulado “Para atravessar contigo o deserto do mundo”, que abre o programa da 18.ª edição do festival literário “Poesia à Mesa”, evento organizado pela Câmara Municipal de S. João da Madeira.

Neste sábado, 29 de fevereiro, às 22h00, vai passar pelo palco desse equipamento municipal a correspondência trocada entre esses grandes nomes da cultura portuguesa e, em especial, da poesia, separados fisicamente numa altura de ditadura no país, onde Sophia permaneceu e de onde Sena se teve de exilar.

Com interpretações de Lúcia Moniz e Pedro Lamares, que já foi comissário da Poesia à Mesa, esta é uma peça em torno de dois poetas, com o propósito comum de lutar pela liberdade e pela palavra. Os bilhetes podem ser adquiridos na BOL-BilheteiraOnline (https://casadacriatividade.bol.pt/) e locais habituais.

Ao encontro do público

De 29 de fevereiro a 21 de março, a poesia vai atravessar a cidade de S. João da Madeira, na 18ª edição deste festival literário que divulga um conjunto de poetas e as suas obras. Ao longo desses dias, as palavras dos poetas vão ao encontro do público através de ações em locais e contextos inusuais, como escolas, restaurantes, fábricas, autocarros, mercado municipal e centro de saúde, para além dos espaços culturais da cidade.

A Poesia vai ser dita, cantada, exposta, trabalhada, conversada e até pendurada na corda em S. João da Madeira. E vai andar impressa em diversos materiais, desde aventais a toalhetes de mesa, sacos de pão e lápis.

Passará pela Biblioteca Municipal, onde vai estar, por exemplo, o jornalista Fernando Alves, e andará pela rua. Subirá ainda aos palcos da Casa da Criatividade e dos Paços da Cultura, interpretada por Pedro Lamares e Lúcia Moniz, por Ana Deus e João Paulo Esteves da Silva.

Seis poetas homenageados

Como acontece todos os anos, são seis os poetas homenageados 6 poetas neste festival literário, que dará destaque às palavras da autoria de Andreia C. Faria, Fernando Assis Pacheco, Herberto Helder, Mário-Henrique Leiria, Soror Violante do Céu e Mafalda Veiga, que é a convidada especial da Peregrinação Poética.

Os comissários do festival são dois nomes com forte ligação ao evento, à poesia e à sua divulgação: José Fanha e Paulo Condessa.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *