Cultura, Póvoa de Varzim, Sociedade

Artista poveiro Nando homenageado pelo Município

No dia 2 de fevereiro, domingo, às 11h00, o Município da Póvoa de Varzim vai prestar uma homenagem ao artista poveiro Fernando Gonçalves (Nando) através da inauguração de um Monumento, junto à entrada do Porto de Pesca.
Fernando da Silva Gonçalves nasceu no dia 2 de fevereiro de 1940, na Póvoa de Varzim, onde faleceu no dia 8 de dezembro de 2018.

Em 1950, a par dos primeiros estudos de música faz, para a Banda Musical, 12 retratos a carvão de compositores famosos ainda existentes nessa Associação.

Em 1952, como estudante no Ciclo Preparatório, integra-se à margem num Centro Artístico Infantil, tendo ganho o primeiro prémio numa mostra internacional no Japão.

Em 1953 ganha o 1.º prémio das Construções na Areia do jornal “Diário de Notícias”.

Em 1954 inscreve-se na Escola de Artes Decorativas Soares dos Reis, no Porto, no curso de Pintura e no Conservatório de Música na classe de violino.

A partir de 1958 faz um percurso pela Publicidade, Ilustração, Artes Gráficas e Decoração, fixando-se como desenhador dos Tapetes de Beiriz até ao cumprimento do Serviço Militar obrigatório, em 1961, onde faz ilustrações de Instrução Militar.

Em 1962 é colocado em Africa e é em Cabinda que faz os primeiros cartoons «Zé da Fisga» e passa a colaborar no jornal “Notícia”, de Luanda. Findo o Serviço Militar, em 1965, decide ficar em Luanda integrando o corpo redatorial do «Notícia» como desenhador, ilustrado e publicitário.

Na feitura de cartazes ganhou alguns primeiros prémios. Como músico, fez parte do elenco da Orquestra de Salão do Instituto de Angola e de variadas orquestras ligeiras.

Em 1967 faz um filme publicitário de 3 minutos em desenhos animados com a figura Zé da Fisga» para a ”Tudor – pilhas e baterias”.

Em 1975, regressado a Portugal faz alguns pequenos Cursos de Cerâmica e vai para Paris aprender técnica de Vitrais.

Em 1990, a pedido da Câmara Municipal faz 40 Painéis de Azulejos sobre motivos da Póvoa para a Avenida dos Banhos.

Na Póvoa de Varzim tinha Atelier de Pintura, mantendo a sua atividade de músico.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *