Economia, Leiria, Marinha Grande, Sociedade

2 milhões de euros para requalificar o Rio Lis

Foram anunciados ontem, 18 de dezembro, no Auditório da Resinagem, na Marinha Grande, investimentos de cerca de dois milhões de euros, para a requalificação do Rio Lis, através de intervenções que vão abranger os municípios de Marinha Grande e Leiria, nos próximos dois anos.

O vice-presidente da APA, Pimenta Machado, anunciou a aprovação de uma candidatura no âmbito do POSEUR – Programa Operacional de Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos, no valor de 1,75 milhões de euros para a recuperação dos dois esporões da foz do Rio Lis, na Praia da Vieira.

O anúncio foi feito durante a cerimónia de assinatura de protocolos de colaboração entre a APA – Agência Portuguesa do Ambiente, I.P. e os Municípios de Marinha Grande e Leiria, para a execução da manutenção do Rio Lis entre a Ponte de Monte Real e a Ponte das Tercenas, no âmbito da intervenção de reperfilamento do Rio Lis efetuada pela APA, que prevê um investimento de 120 mil euros, a ser executado em dois anos.

Este valor de investimento vai ser suportado em 50% pela APA (o que equivale a um valor global de 60 mil euros), em 27,5% pela Câmara da Marinha Grande (o que corresponde a um montante de 33 mil euros para os dois anos) e 22,5% pela Câmara de Leiria (equivalendo a um investimento total de 27 mil euros).

Foi ainda assinado um protocolo entre a APA e a Câmara de Leiria, para a conservação e manutenção da Ribeira dos Milagres, que prevê um investimento de 190 mil euros a concretizar por aquele município, com o acompanhamento técnico da APA.

Para a presidente da Câmara Municipal da Marinha Grande, Cidália Ferreira, “o Rio Lis une os concelhos de Leiria e Marinha Grande e é impossível defender o Lis sem a união de esforços entre estes dois municípios e, por isso, enalteço o facto de ter sido possível estabelecer esta parceria entre as três entidades, para procurarmos resolver o problema de poluição do Rio que se verifica há décadas”.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *