Palmela, Sociedade

Envelhecimento ativo em destaque no XI Fórum Social Palmela

Subordinado ao tema “Idade +”, o XI Fórum Social Palmela realizou-se ontem, 21 de novembro, e lotou o auditório da Biblioteca Municipal de Palmela. Parceiros da Rede Social, representantes de instituições e profissionais marcaram presença nesta edição que privilegiou a troca de experiências sobre o envelhecimento ativo, em que a qualidade de vida e o bem-estar deverão ser requisitos obrigatórios.

Para além de uma importante Conferência sobre “Envelhecimento demográfico e políticas para a longevidade”, os painéis “Envelhecimento – urgência de um pensamento e de uma ação integrada”, “Comunidades Idade +” e “Estratégias futuras nas Comunidades de Todas as Idades”, estiveram na génese deste dia de reflexão e que fomentaram o conhecimento e a partilha de novas metodologias e práticas.

Neste âmbito, e para combater situações de fragilidade social, vivenciadas muitas vezes por pessoas de idade maior, o Município de Palmela acredita que a resposta passa por uma política social transversal, concertada entre todas as organizações, desde o poder local à administração central, às entidades privadas e organizações da sociedade civil.

Nesta lógica de complementaridade e trabalho em rede, os Municípios de Palmela, Setúbal e Sesimbra encerraram o ciclo de intervenções com apresentação do PRIA – Percursos em Rede para a Inclusão Ativa, uma candidatura desenvolvida no âmbito da estratégia intermunicipal Território Arrábida e submetida a fundos comunitários.

Preconizando uma oferta inovadora e qualificada, este projeto contempla um conjunto de ações, destinadas a pessoas com mais de 55 anos, que potenciam a inclusão social, a saúde, o bem-estar e a autonomia.

Palmela tem já a arrancar o serviço municipal de teleassistência, que vai beneficiar pessoas em situação de fragilidade ou isolamento, e o Município pretende viabilizar ainda outras ações como o projeto de voluntariado, que alia jovens e pessoas de idade maior, a criação de uma pista medicalizada de check up, permitindo à comunidade uma prática de atividade física controlada e monitorizada, e uma viatura médico-social, para realização de ações de sensibilização, prevenção e diagnóstico precoce, principalmente nas freguesias rurais.

Se precisa de Agência de web design pode ver a Livetech

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *