Sociedade, Turismo, Vizela

Doce de Vizela com diploma oficial das 7 Maravilhas Doces de Portugal

No seguimento da estratégia de dinamização do Concelho, essencialmente para criar Vizela como destino turístico, o Presidente da Câmara Municipal vai entregar o diploma oficial das 7 Maravilhas Doces de Portugal, o selo para colocar nas caixas do Bolinhol e ainda uma placa para ser colocada na fachada exterior das lojas de cada um dos produtores de Bolinhol.

            Esta entrega terá lugar no próximo dia 7 de novembro, pelas 17.00h na loja interativa de Turismo e vem no seguimento da estratégia da Autarquia depois da eleição do Bolinhol como uma das 7 Maravilhas Doces de Portugal que passa pelo reforço do Bolinhol nos eventos promovidos pela Câmara, mas também por um conjunto de ações no sentido da promoção e divulgação do Bolinhol como uma das 7 Maravilhas Doces de Portugal.

            Assim, a Câmara Municipal vai entregar um diploma oficial das 7 Maravilhas Doces de Portugal a cada um dos produtores de Bolinhol do nosso Concelho, assim como um selo que será colocado nas caixas do Bolinhol, identificando-o como uma das 7 Maravilhas dos Doces de Portugal.

A Câmara vai ainda entregar uma placa para ser colocada na fachada exterior das lojas de cada um dos produtores de Bolinhol.

De destacar que foram já alterados os totems das entradas da cidade, onde foi colocada uma alusão ao Bolinhol como uma das 7 Maravilhas dos Doces de Portugal.

            É também intenção da Autarquia a criação de um monumento ao Bolinhol como forma de dar a conhecer a todos os que nos visitam que somos detentores de uma das 7 Maravilhas Doces de Portugal.

​A Câmara Municipal de Vizela considera que a eleição do Bolinhol como uma das 7 Maravilhas Doces de Portugal deve ser devidamente promovida e divulgada pois, para além de reafirmar a identidade de um povo que, cada vez mais, sente que valeu a pena lutar pelo Concelho de Vizela, também homenageia todos aqueles que lutaram pela nossa autonomia, permite a promoção de Vizela, consolidando, desta forma, uma estratégia de dinamização do Concelho, assim como do comércio tradicional, em particular, dos que orgulhosamente vendem o nosso bolinhol, mas, também, de todos os comerciantes do ramo da restauração, que passam a ter mais um “trunfo” nas suas mesas.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *