Destaque, Póvoa de Lanhoso, Sociedade

Semana para a Promoção dos Direitos Humanos “foi um sucesso” na Póvoa de Lanhoso

A Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso, através dos Pelouros da Juventude e da Educação, promoveu, de 22 a 26 de julho, a primeira Semana para a Promoção dos Direitos Humanos (SPDH), em que participaram 33 jovens.

“Grande parte das nossas políticas municipais tem forte incidência sobre os mais jovens. Desde logo todas as respostas ao nível da educação e dos apoios sociais, da juventude e do desporto. Nesse sentido, acreditamos que as políticas de juventude devem, essencialmente, incidir na componente de consciencialização cívica dos mais novos para melhor se prepararem para os desafios do futuro. E é neste enquadramento que surgem iniciativas, como a Semana para a Promoção dos Direitos Humanos. Esta edição foi um sucesso”, resume o Presidente da Câmara Municipal, Avelino Silva, que recebeu a comitiva na partida para esta aventura.

Esta iniciativa proporcionou momentos de descontração, de aprendizagem e de reflexão. Tendo iniciado com a participação de 32 jovens, terminou com 33 (21 raparigas e 12 rapazes), com idades entre os 10 e os 16, todos/as residentes no concelho. “O número de participantes superou as nossas expectativas, ainda para mais sendo esta uma primeira edição. Para o ano, vamos repetir. Os jovens ficaram muito satisfeitos e o único reparo que deixaram é que esta Semana foi muito curta”, notou o Vereador da Juventude, João Barroso. “Agradecemos aos pais que confiaram neste projeto e que deixaram os jovens participar. No último dia, preparámos uma surpresa que correu muito bem, ou seja, levámos os pais a jantar com os jovens e o feedback foi muito muito positivo”, destacou ainda o mesmo responsável.

Como resultado, o vereador acredita numa juventude mais atenta e alerta. “Esperamos que o tema que abordámos dê um conhecimento mais alargado sobre a abrangência da temática dos Direitos Humanos. Com esta atividade fora do contexto do quotidiano, esperamos ter a colaboração destes jovens na criação de uma sociedade melhor e mais virada para o combate às desigualdades que persistem no mundo em que vivemos”, referiu.

Rapazes e raparigas ficaram hospedados/as em camaratas separadas, no Centro Social João Paulo II, na Apúlia, e realizaram as atividades em conjunto. Assistiram e participaram ativamente nas dinâmicas relacionadas com os Direitos Humanos, dinamizadas pelo SIGO – Serviço para a Promoção da Igualdade de Género e de Oportunidades criado pelo Município da Póvoa de Lanhoso.

A Semana iniciou com a leitura dos 30 artigos que compõem a Declaração Universal dos Direitos Humanos e com a reflexão sobre os mesmos, mas também com a abordagem de temas tão diversos como o da violência doméstica, no namoro e na sociedade; o da pobreza; o das desigualdades sociais, todos estes assuntos abordados por relação à Declaração.

Houve ainda momentos de praia, de piscina e de passeio, com os/as jovens a interagir com as pessoas da localidade. A meio da Semana foi promovida uma festa do pijama, tendo sido um momento mais descontraído e de interação entre pares. A relação entre os/as participantes revelou-se permanentemente muito calorosa e respeitadora, tendo sido percetível o reforço de laços entre quem já se conhecia e relacionava e o criar de novas amizades entre quem não se conhecia.

No interior do Centro, a interação com a equipa da instituição foi permanente, com os/as jovens a colaborar nas atividades diárias. Na quinta e sexta-feira, os/as jovens assumiram o comando na confeção de sobremesas para 100 pessoas. Esta atividade decorreu na cozinha da instituição, sob o olhar atento e supervisão das monitoras e das cozinheiras da entidade. As deliciosas sobremesas foram servidas aos familiares dos/as jovens que se juntaram no dia 26, no jantar de encerramento da SPDH, iniciativa que todos/as os/as jovens avaliaram como fantástica e que desejam muito repetir e ver prolongada.

Artigo Anterior

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *