Educação, Estarreja

Estarreja recebe Curso Técnico Superior Profissional da Universidade de Aveiro

A Universidade de Aveiro e a Câmara Municipal de Estarreja assinaram um protocolo para a realização do Curso Técnico Superior Profissional, no ano letivo de 2019/20, em Estarreja, com o objetivo de responder ao acelerado crescimento do Eco Parque Empresarial e do tecido empresarial do concelho de forma a aumentar a oferta de recursos humanos disponíveis para suportar o desenvolvimento industrial. 

O curso a ser lecionado no concelho é o de Técnico Superior Profissional em Sistemas Mecatrónicos e de Produção. “É uma aposta para uma oferta mais adequada às necessidades do tecido empresarial do concelho, aumentando a empregabilidade dos jovens estarrejenses, bem como os da região envolvente”, salienta João Alegria, vereador da Educação.

Este passo importante pretende responder ao contexto e à natural preocupação quanto à importância da manutenção e aumento da competitividade da economia local. O autarca realça que “o Município de Estarreja está empenhado em promover iniciativas de apoio às empresas nos esforços de crescimento e internacionalização, promovendo ações de formação e atração de Recursos Humanos especializados, bem como uma maior adequação da formação profissional às necessidades, de forma a aumentar a empregabilidade no concelho.”

O Curso Técnico Superior Profissional em Sistemas Mecatrónicos e de Produção, da Universidade de Aveiro, que decorrerá no Ciclo Criativo (Antigo Colégio), pretende desenvolver atividades nas áreas de conceção, projeto, planeamento, fabrico, manutenção e otimização de sistemas de produção, integrando tecnologias de mecânica, eletrónica, automação e informática, considerando a otimização da qualidade e quantidade da produção. As candidaturas decorrem em duas fases: a 1.ª decorre até ao dia 2 de agosto e a 2.ª fase de 23 a 27 de setembro de 2019.

Podem candidatar-se ao CTeSP em Sistemas Mecatrónicos e de Produção os titulares de um curso de ensino secundário ou de uma habilitação legalmente equivalente, os titulares de um diploma de especialização tecnológica ou de um diploma de técnico superior profissional. Os titulares de grau de ensino superior que procurem uma requalificação profissional, também poderão candidatar-se. Os candidatos aprovados nas provas de maiores de 23 anos também poderão apresentar a candidatura. 

Os cursos técnicos superiores profissionais (CTeSP) são um tipo de formação superior de curta duração (4 semestres letivos, incluindo um período de estágio em contexto de trabalho) ministrados no âmbito do ensino politécnico. A conclusão de um curso desta natureza confere um diploma equivalente ao nível 5 do Quadro Nacional de Qualificação, que é um certificado de aptidão profissional reconhecido a nível europeu.

Mais informações e candidaturas aqui.

Artigo Anterior

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *