Sociedade

AVON apoia a luta contra a violência doméstica e doa 12.000€ à APAV

Pelo décimo ano consecutivo, a AVON juntou-se à APAV para combater os crimes de Violência Doméstica em Portugal, com uma doação de 12.000€ a esta instituição.

A Campanha Global Contra a Violência Doméstica é levada a cabo pela AVON em todos os países onde se encontra, sendo que passa pela venda de produtos cujas receitas revertem a 100% para a APAV (como os colares “Uma só voz” e “Kaylana Empowerment”) e pelo apoio a programas de consciencialização, educação e prevenção com um impacto direto na violência doméstica.

Tal como nos últimos anos, os donativos da AVON são destinados a locais de acolhimento da APAV, para mulheres e crianças vítimas de violência doméstica. Estes espaços têm como propósito garantir a proteção e segurança imediata das vítimas em situações de crise, prevenindo novas situações de vitimização, promover a reestruturação do projeto de vida e assegurar a autonomização, independência e reintegração social das vítimas. Nestas estruturas de acolhimento da APAV, as mulheres e crianças dispõem de um acompanhamento personalizado e adequado às suas necessidades básicas como a alimentação, educação, formação, entre outras.

“Sendo a AVON uma empresa feita maioritariamente de mulheres e dirigida a mulheres, sentimos que devemos participar na luta contra um problema que assola a sociedade portuguesa e parece estar longe de abrandar. Este é o décimo ano consecutivo que apoiamos esta causa e o nosso objetivo é manter este apoio.
Entre 2009 e 2018, já conseguimos angariar 81mil euros para a APAV. A nossa missão é continuar a ajudar a APAV a criar espaços onde as mulheres se sentem seguras e protegidas, num ambiente de paz e solidariedade”, refere Susana Pereira, Responsável da AVON Portugal. “Por isso mesmo, realizámos ainda uma ação de consciencialização acerca deste problema na sociedade, passou pela organização de uma ação de sensibilização que contou com a presença de 150 revendedoras AVON em Lisboa e no Porto. Por estarem próximas de outras mulheres que podem ser vítimas de violência doméstica ou estão em risco de o ser, é importante que as revendedoras da AVON saibam o que fazer se tiverem conhecimento de algum caso. Esta ação está integrada na iniciativa AVON, Stand4her, em que nos comprometemos em melhorar as vidas de 100 milhões de mulheres todos os anos e em todos os países onde estamos presentes, seja através deste tipo de iniciativas de responsabilidade social ou outras destinadas a capacitar o seu empreendedorismo, melhorar as condições económicas e promover uma vida segura, livre e saudável.”, comenta a responsável.

Carmen Rasquete, Secretária Geral da APAV comenta: “O donativo da AVON terá como destino as Casas de Abrigo da APAV, que acolhem mulheres e crianças vítimas de crimes e violência doméstica. No entanto, é ainda de salientar o trabalho da AVON na sensibilização das suas revendedoras para um este problema social que está tão presente no nosso país. A parceria entre a AVON Portugal e a APAV reflete um grande exemplo de responsabilidade social, que contribui não só com fundos monetários, mas também como um veículo de sensibilização na sociedade”.

Em 2018, a APAV registou mais de 20.500 crimes e outras formas de violência, o que se refletiu em 46.371 atendimentos. Entre 2016 e 2018 aumento do número de atendimentos ascendeu aos 31%, o que confirma uma maior procura de ajuda por parte das vítimas. Na franja mais vulnerável da população estão as mulheres adultas: a grande maioria das vítimas são do sexo feminino (82,5%) e têm em média 41 anos.

A violência doméstica é um crime público. Todo o cidadão que tenha conhecimento de algum caso, deve denunciá-lo às autoridades competentes ou sensibilizar a vítima para a importância de pedir ajuda a entidades competentes como é o caso da APAV.

Se precisa de Empresa de web design pode ver a Livetech

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *