Cultura, Estarreja

Maestros da terra e Bandas Filarmónicas de Estarreja juntos no Grande Concerto de Páscoa

Este slideshow necessita de JavaScript.

Mais de 40 músicos das Bandas Filarmónicas Concelhias. Três maestros. Duas cantoras líricas. O Grande Concerto de Páscoa é já na próxima sexta-feira, dia 19, às 21h30, no Cine Teatro..

De batuta na mão, Afonso Alves, Martinho Rodrigues e Nelson Aguiar vão liderar um Ensemble das Bandas Filarmónicas Concelhias constituídos por músicos da Banda Bingre Canelense, da Banda Club Pardilhoense e da Banda Visconde de Salreu no Grande Concerto de Páscoa “Almeh Luz”. E vão ainda acompanhar as aclamadas cantoras líricas Carla Maffioletti, uma das sopranos de André Rieu, e Jutta Maria Böhnert, que já atuou nas principais salas europeias e teatros de ópera.

Um trabalho de equipa de enorme responsabilidade

A opinião entre os maestros é unânime. Acompanhar o duo de voz e violão, que nasceu, em 2018, resultado do desejo das cantoras transportarem e adaptarem para o violão clássico e vozes as mais belas melodias, será uma “responsabilidade acrescida”.

As bandas filarmónicas são pilares da cultura musical portuguesa e em Estarreja assumem-se como a base para a formação musical dos nossos muitos jovens músicos, de onde têm resultado grandes talentos. Para Afonso Alves, este envolvimento com os músicos das diferentes bandas “é sempre interessante e benéfico para o relacionamento artístico e social das instituições.” Na sua opinião, para os elementos das bandas é mais “uma oportunidade para partilharem a Música, trabalharem com maestros diferentes num contexto de ensaio e concerto, reverem amigos e trocarem impressões”.

Martinho Rodrigues salienta que estas sinergias revelam “uma nova forma de estar, de agir e de pensar, em tudo o que diz respeito à cultura do concelho”.  Salienta que com a aposta e a preocupação do município em unir as associações “todos saíram a ganhar e tem dado bons resultados.”

Estes que possuem a arte de liderar com gestos coincidem em mais um ponto: é aliciante trabalhar com “ensembles de diferentes formações e objetivos”, “há uma enorme vontade nesta colaboração”, e este trabalho em conjunto “funciona muito bem”.

O que esperar do Grande Concerto de Páscoa

Nelson Aguiar garante que “o empenho e a dedicação dos maestros, dos músicos e das solistas proporcionará ao público uma excelente noite musical que ficará marcada na memória de todos”.

“Um grande espetáculo, diferente, com grandes árias de ópera interpretadas por duas grandes vozes. Poder ouvir interpretações destas duas divas em Estarreja? Talvez seja algo que não acontecerá num futuro próximo”, diz o Diretor Artístico da Banda Club Pardilhoense, Martinho Rodrigues.

Afonso Alves não tem dúvidas que este “encontro improvável destas duas vozes com as sonoridades de um ensemble de instrumentos de sopros é algo que merece ser descoberto, visto, ouvido e finalmente interiorizado”. Neste concerto único no país, o também Diretor Artístico do Orfeão da Banda Visconde de Salreu ressalta que o público terá a oportunidade de “experimentar as sensações produzidas pela simbiose de vozes magníficas com o colorido timbrico e único dos instrumentos de sopro”.

Das principais salas europeias e teatros de ópera para o palco do CTE

O duo de voz e violão Almeh Luz surgiu do desejo das aclamadas cantoras líricas Carla Maffioletti e Jutta Maria Böhnert de transportar de uma maneira mais intimista e sensível as mais belas melodias e adaptá-las para o violão clássico e vozes femininas.

Carla Maffioletti e Jutta Maria Böhnert contam que “num mundo tão barulhento e hermético, poucos são os momentos onde nos permitimos a calma das sensações artísticas mais ternas e delicadas, e é exatamente isto que nos propomos fazer”.

Uma das principais solistas do violinista holandês André Rieu, Carla Maffioletti levanta a ponta do véu. “ Na primeira parte do espetáculo, vamos cantar várias músicas brasileiras e espanholas, já na segunda, teremos a participação especial do ensemble das Bandas Filarmónicas e vamos cantar árias de óperas, duetos e melodias muito especiais”.

Não será seguramente um exagero dizer que será um Grande Concerto de Páscoa.

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *