Entroncamento, Saúde, Sociedade

Município do Entroncamento cede terreno para a Liga dos Combatentes

Foi no dia 6 de março, assinado o Protocolo de Cedência de Terreno para construção de equipamentos sociais e de saúde da Liga dos Combatentes, entre o Município do Entroncamento e a Liga dos Combatentes, respetivamente representados por Jorge Faria, Presidente da Câmara Municipal e pelo Tenente-General Joaquim Chito Rodrigues, Presidente da Liga dos Combatentes.

Com este protocolo, o Município do Entroncamento cede parte do terreno do antigo Campo Municipal de Futebol, em direito de superfície, que servirá para a construção de um equipamento de natureza social para os seus associados, mais concretamente um Centro de Dia, uma estrutura residencial para pessoas idosas, uma creche e uma Unidade de Cuidados Continuados.

O Presidente da Câmara Municipal do Entroncamento, afirma que “este é um dia histórico para o Entroncamento, pela assinatura deste Protocolo que orgulha a cidade. Associamo-nos a este projeto com orgulho, uma forma de retribuir a todos que serviram o nosso país”.

Jorge Faria acrescenta ainda que “a curto prazo serão publicados sistemas de apoio com enquadramento para este projeto. Esta zona da cidade vai ser intervencionada no âmbito do PEDU – Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano e espera-se que no final da obra todo o local se encontre regenerado.”

O Tenente-General, Joaquim Chito Rodrigues, agradeceu ao Município do Entroncamento o empenho para que este projeto seja uma realidade e afirmou que “hoje é um dia de esperança para os combatentes, um dia memorável para o Entroncamento e para a Liga.”

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *