Póvoa de Varzim, Sociedade

Freguesia de Argivai na Póvoa de Varzim assinalou 1065 anos

A Capela da Nossa Senhora do Bom Sucesso foi pequena para acolher todos aqueles que quiseram participar na comemoração do Dia de Argivai, ao final da tarde do dia 25 de março. A freguesia assinalou 1065 anos de existência.

A Capela da Nossa Senhora do Bom Sucesso foi pequena para acolher todos aqueles que quiseram participar na comemoração do Dia de Argivai, ao final da tarde do dia 25 de março. A freguesia assinalou 1065 anos de existência.

Organizado pela União de Freguesias da Póvoa de Varzim, Beiriz e Argivai, o evento contou com a atribuição da Medalha de Mérito de Argivai a Vítor Cardoso, apresentação do livroArgivai – Viagem pela sua história, de Sofia Teixeira e ainda momentos musicais e de poesia com a atuação do Grupo Coral de Argivai Gaudium Fidei, declamação de poemas por Aurelino Costa e guitarra por Domingos Mateus. Deolinda Carneiro, Diretora do Museu Municipal, abordou um pouco da história de Argivai, cuja origem remonta a 953.

Natural de Argivai, Vítor Cardoso, de 42 anos, é Professor e cientista do Centro Multidisciplinar de Astrofísica do Instituto Superior Técnico, em Lisboa, e investiga os buracos negros e as ondas gravitacionais. Durante oito anos, até 2015, participou no observatório LIGO, nos EUA, que veio a detetar as primeiras ondas gravitacionais. Agora está ligado à Laser Interferometer Space Antenna (LISA), um observatório aprovada pela Agência Espacial Europeia em 2017 e que vai para o espaço por volta de 2030, e é o representante nacional neste consórcio.

O homenageado ficou surpreendido com a distinção e explicou, de um modo simples, que tenta perceber a gravidade e como as coisas funcionam, sendo que “o objetivo final é libertar-me da gravidade”, acrescentando que “este caminho de elevação de sair das garras da gravidade e tentar perceber a ciência não é um trajeto que se faça sozinho. A minha tentativa de elevação começa com os meus pais e com o ambiente que me rodeia. Nós somos onde nascemos também”, transmitiu.

Figuras de Argivai homenageadas

Outra argivaiense que marcou este aniversário da freguesia foi Sofia Teixeira que escreveu uma monografia sobre Argivai: “para mim, foi mesmo uma viagem ao meu passado”. Além da história, que resultou de um trabalho de pesquisa, a autora recolheu testemunhos de pessoas da terra o que foi para ela “absolutamente marcante e emocionante”.

Em representação da Câmara Municipal da Póvoa de Varzim, a Vereadora Andrea Silva transmitiu que “Argivai foi o berço da Póvoa de Varzim e no nosso berço sentimo-nos sempre aconchegados, acolhidos e, portanto, é fantástico entrarmos na freguesia de Argivai e, além de nos sentirmos acolhidos e aconchegados, olhamos para as placas identificativas que dizem «terra milenar». Só isso já nos enche de orgulho e deixa com a alma grande. Argivai pode não ser muito extensa mas é única, como são todas as freguesias do nosso concelho”.

A autarca terminou desejando que “este dia de festa permita também conhecermos tudo o que ficou para trás, que seja um ponto de partida para os mais jovens continuarem a ter orgulho em serem argivaienses e darem a conhecer ao mundo como fez o nosso homenageado porque Argivai tem, de facto, pessoas muito especiais”.

Ricardo Silva, Presidente da União de Freguesias da Póvoa de Varzim, Beiriz e Argivai, referiu que “hoje, em Argivai, temos tudo: um maravilhoso monumento histórico restaurado, uma história milenar, gente da ciência ao mais alto nível internacional e temos a arte que transcende em muito as palavras do poeta da terra”. E referindo-se ao movimento “Nós pela Capela” acrescentou que Argivai tem “gente determinada e gente de garra que tem trabalhado e lutado”.

Augusto Moreira, da Junta de Argivai, transmitiu que “hoje, Argivai está em festa. Mas não é só um aniversário. Argivai, hoje, faz três em um: aniversário da freguesia, orgulho em homenagear o Professor Vítor Cardoso e também um grande orgulho a Doutora Sofia Teixeira, pela sua persistência, por não ter desistido do seu sonho que é o sonho dos argivaienses”.

Os responsáveis autárquicos reconheceram o relevante papel do Padre Avelino na recuperação da Capela da Nossa Senhora do Bom Sucesso bem como a disponibilidade para acolher o Dia de Argivai.

Veja a fotogaleria.

Se precisa de gestão de publicidade online pode ver a Livetech

Consulta de terapia da fala na Medway com os melhores profissionais

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *