Cultura, Educação, Seia

Alunos de Seia aprendem através do teatro

Duas dezenas de alunos do ensino secundário e profissional de Seia assistiram ontem a duas peças de teatro, representações às obras literárias de José Saramago e Eça de Queirós apresentadas pelo Grupo Etcetera Teatro, cujo conteúdo e autores integram os currículos do ensino secundário e constam das matérias obrigatórias dos exames nacionais.

Integrada no Plano de Atividades da Biblioteca Municipal e delineada no âmbito do Plano Concelhio de Leitura e do serviço de articulação da RBEMS – Rede de Bibliotecas Escolares e Municipal de Seia, esta constitui uma outra abordagem científica para contribuir para o sucesso escolar dos alunos, melhorando os seus resultados através de uma aprendizagem diferenciada dos autores e, simultaneamente, criando espetadores mais críticos e atentos.

O primeiro espetáculo teve como público o 12º ano do ensino secundário e baseou-se na obra José Saramago “O Ano da Morte de Ricardo Reis”, num retrato sobre o universo de Saramago e Fernando Pessoa, dando uma ideia do que era a vida social, económica e moral do nosso país pré salazarista.

“Os Maias” (episódios da vida romântica) de Eça de Queirós foram o mote do espetáculo apresentado durante a tarde, que teve na plateia alunos do 11º ano da Escola Secundária de Seia e da Escola Profissional da Serra da Estrela. Esta história intemporal caracteriza a sociedade lisboeta do fim do séc. XIX: a política, as corridas de cavalos, as tardes passadas no Grémio Literário, os passeios em Sintra, os aspirantes a chique, etc.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *