Melgaço, Sociedade, Turismo

Jantar vínico em Melgaço com o Chef Vitor Matos

O Chef Vitor Matos estará em Melgaço a preparar um jantar vínico de harmonização da Lampreia do Rio Minho com Alvarinho. O momento de degustação acontecerá no dia 3 de março, pelas 20h00, no Monte de Prado Hotel & SPA, e será uma homenagem a estes dois produtos endógenos que atraem ao Município Mais a Norte de Portugal cada vez mais apreciadores.

Já lá vão os tempos em que a lampreia era apreciada de uma forma muito tradicional: cada vez mais são exploradas outras formas de cozinhar o ciclóstomo, amado por uns e odiado por outros. O Chef, com uma Estrela Michelin e o responsável pela cozinha do Vidago Palace Hotel, vai preparar um menu exclusivo com pratos desenvolvidos exclusivamente para o evento, pratos esses em que está já a trabalhar em modo experiência para que o resultado seja o melhor. Serão servidos quatro pratos para harmonização com um vinho diferente, nomeadamente os alvarinhos Quintas de Melgaço, Reguengo de Melgaço, Castaboa e Soalheiro. Para acompanhar o momento estará também à mesa um outro produto endógeno de grande qualidade, as Águas de Melgaço.

O jantar acontece no âmbito da iniciativa ‘Lampreia do Rio Minho – Um prato de Excelência’, em degustação em seis municípios do Vale do Minho – Caminha, Melgaço, Monção, Paredes de Coura, Valença e Vila Nova de Cerveira – até 15 de abril.

A Real Confraria do Vinho Alvarinho e a Confraria da Lampreia do Rio Minho, no seu papel de promoção e defesa destes produtos, valorizando os respetivos territórios em torno da cultura dos seus vinhos e gastronomia, também estarão representadas.

O jantar carece de reservas prévias, com um limite de 70 pessoas. Brevemente serão divulgadas as datas e os preços para se proceder às inscrições.

‘LAMPREIA DO RIO MINHO – UM PRATO DE EXCELÊNCIA’

Melgaço participa na IX edição desta iniciativa com a presença de 12 restaurantes: Adega do Sabino, Adega do Sossego, Boavista, Casa Real, Chafarix, Foral de Melgaço, Mini – Zip, O Adérito, O Brandeiro, Paris, Tasquinha da Portela e Verde Minho.

A par da sugestão gastronómica, Melgaço propõe várias atividades culturais, entusiasmando à descoberta da riqueza patrimonial e paisagística da região: há um programa de animação com atividades de turismo natureza ou aventura (como rafting, caminhadas, rapel, salto pendular, arvorismo, slide, escalada, passeios pedestres), visitas aos espaços museológicos da rede Melgaço Museus, visitas e provas nas adegas aderentes Rota do Vinho Alvarinho e também visitas a produtores de artesanato e de fumeiro.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *