Celorico de Basto, Sociedade

Celorico de Basto com “Luta até à Igualdade”

_DSC4655

Município de Celorico de Basto, através do Gabinete Girassol, desenvolveu uma ação de rua, no dia 25 de novembro, pelo meio da feira anual da Sta. Catarina, por forma a lembrar o Dia Internacional para a Eliminação da Violência contra as Mulheres.

A ação teve por objetivo sensibilizar e informar homens e mulheres para uma problemática vivida, ainda, por muitas mulheres. “Não podemos ficar indiferentes a uma problemática que ainda existe no nosso país, fruto de vários fatores sociais, e que a todos diz respeito. Todas as formas de violência devem ser erradicadas, é preciso que o diálogo se consolide, que a comunicação prevaleça, afinal, os problemas resolvem-se conversando e nunca com qualquer forma de violência” disse Joaquim Mota e Silva, Presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto.

Durante cerca de 2 horas cerca de 30 pessoas sensibilizadas para a temática, de vários quadrantes da sociedade, deambularam por entre visitantes da feira e deram a conhecer esta “triste” realidade. “Não podemos ficar quietos, não podemos ser indiferentes, temos a obrigação moral de informar, esclarecer para a uma realidade “triste” que abraça muitas mulheres provocando situações de depressão, suicídio e homicídio, tal a violência. Este ano segundo dados oficiais já morreram 18 mulheres vitimas de violência doméstica. Por isso, há urgência de consciencializar e de alertar a comunidade” disse Helena Martinho, Conselheira Municipal para a Igualdade de Género.

 

 

 

 

 

 

 

Artigo Anterior

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *