Reguengos de Monsaraz, Sociedade

Ministro da Agricultura encerra seminário “O acesso à água no novo bloco de rega de Reguengos de Monsaraz”

Vinhas e olivais (3)

O Ministro da Agricultura e do Desenvolvimento Rural, Luís Capoulas Santos, vai encerrar o seminário “O acesso à água no novo bloco de rega de Reguengos de Monsaraz”, iniciativa que decorre no dia 12 de agosto no auditório do Pavilhão Multiusos do Parque de Feiras e Exposições de Reguengos de Monsaraz. Neste seminário vai falar-se da candidatura efetuada pelo governo ao Plano Junker para financiar a criação do circuito hidráulico de Reguengos de Monsaraz, ligado à albufeira de Alqueva, que permitirá regar uma área de 10 mil hectares no concelho e beneficiar as vinhas e os olivais da região.

Esta iniciativa, que está integrada na ExpoReg – 25ª Exposição de Atividades Económicas, tem início às 9h30 com o painel “Criar um ambiente institucional amigo dos agricultores”. A primeira comunicação está a cargo da EDIA – Empresa de Desenvolvimento e Infraestruturas do Alqueva, com Alexandra Carvalho a falar sobre o tema “Empreendimento de Fins Múltiplos de Alqueva, apresentação do projeto final para Reguengos de Monsaraz”.

Segue-se a Direção Regional de Agricultura e Pescas do Alentejo, com Gonçalo Sommer Ribeiro, que vai explicar os “Apoios à exportação agrícola/PDR 2020”, e Lino Afonso, que vai abordar a “Gestão de riscos na agricultura – seguros agrícolas”. A Associação de Viticultores do Alentejo vai fechar o primeiro painel com uma comunicação de Francisco Mata intitulada “As perspetivas para o novo cenário do bloco de rega de Reguengos de Monsaraz tendo por base a vitivinicultura”.

O segundo painel, sobre boas práticas, tem início às 11h30 com uma intervenção da responsabilidade do Centro Operativo e de Tecnologia de Regadio, na qual Gonçalo Rodrigues vai falar sobre “A importância do Empreendimento de Fins Múltiplos de Alqueva para o desenvolvimento regional”. Seguem-se as comunicações do Centro de Estudos e Promoção do Azeite do Alentejo, com Gonçalo Morais Tristão a explicar as diferenças entre “Olival tradicional vs. olival de regadio”, e da Associação de Produtores e Exportadores de Frutas, Uva de Mesa e Outros Produtos Agrários, com Joaquín Gómez Carrasco a abordar o tema “Apresentação da missão da APOEXPA realçando o elemento diferenciador que a tem tornado um caso de sucesso”.

Pelas 12h30 decorre um debate sobre os temas apresentados no seminário e a fechar, às 13h, Capoulas Santos, Ministro da Agricultura e do Desenvolvimento Rural, vai presidir à sessão de encerramento.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *