Celorico de Basto, Sociedade

Celorico de Basto sensibiliza para cuidados a ter com o sol

_DSC0919

A Cruz Vermelha Portuguesa lançou a campanha “o meu sol – vive + o verão” que tem por objetivo alertar as crianças e jovens portugueses para os riscos associados a uma exposição solar excessiva, nomeadamente o cancro da pele. Nesse sentido a Delegação da Gandarela da Cruz Vermelha esteve no terreno, nas piscinas municipais ao ar livre, no dia 16, pelas 15h00, junto dos utilizadores do espaço, e contou com a participação de 4 voluntários da instituição para sensibilizar os banhistas para exposição excessiva ao sol e os graves problemas que podem surgir.

Ciente da necessidade de sensibilizar para estas problemáticas, o Vereador da Educação do Município de Celorico de Basto, Fernando Peixoto, mostrou-se satisfeito com a iniciativa da Cruz Vermelha num dos espaços que mais pessoas atrai durante os meses quentes de Verão. “Ter consciência dos perigos da exposição indevida ao sol é, por si só, meio caminho andado para a prevenção. Mas é fundamental que estas campanhas existam e sejam levadas ao terreno, reforçando a necessidade de proteção solar de forma exaustiva e que, de facto, consciencialize para os graves problemas que podem surgir por causa dessa exposição indevida”.

Os voluntários da delegação da Gandarela da Cruz Vermelha estiveram no terreno e explicaram ao pormenor, aos banhistas, como escolher um protetor adequado ao tipo de pele e com elevado fator de proteção, a necessidade de aplicar sempre o protetor solar 30 minutos antes de ir para a zona balnear, evitar a exposição solar entre as 11h e as 17h, utilizar sempre chapéu, t-shirt e óculos de sol, renovar as aplicações de protetor solar de 2 em 2 horas, renovar as aplicações de protetor solar depois de um banho no mar, coloca protetor solar mesmo quando o tempo está nublado, ingerir bastante água, protege não só a pele, como também os lábios, olhos, nariz e orelhas.

“Sabemos que muitos jovens, apesar de informados, se esquecem que os problemas não acontecem apenas aos outros e apanham sol nas horas de maior calor, sem qualquer tipo de proteção e muitas vezes, com uma hidratação escassa face ao que é aconselhado, por isso, a necessidade de sensibilizar, de informar, de esclarecer para ajudar a mudar comportamentos e assim evitar problemas graves como o cancro de pele” disse Raquel Magalhães, voluntária da delegação da Gandarela da Cruz Vermelha.

Genericamente, a Cruz Vermelha Portuguesa promove esta campanha para a sensibilização de um comportamento ambientalmente correto e para a adoção de comportamentos seguros em contexto balnear tendo sempre em conta um estilo de vida mais saudável.

A próxima ação de sensibilização terá lugar no Parque de Lazer de Fiães de Cima em Codessoso, nas piscinas ao ar livre, no dia 23 de julho.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *