Destaque, Póvoa de Varzim, Sociedade

Presidente inaugurou novo espaço no aniversário da Santa Casa da Póvoa de Varzim

Presidente inaugurou novo espaço no aniversário da Santa Casa

A Santa Casa da Misericórdia da Póvoa de Varzim assinalou dia 23 de maio, o seu 261º aniversário com uma sessão solene, descerramento de azulejo com brasão e inauguração da nova do Centro de Dia.

O Presidente da Câmara Municipal, Aires Pereira, esteve presente na sessão.

Na sessão solene, a instituição homenageou os mesários Óscar Ribeiro e Mário Leite como Irmãos Honorários pelo seu “exemplo de dedicação profunda”. Foram ainda distinguidos trabalhadores com 25 anos de serviço que “têm sabido honrar a instituição e dedicar-se aos seus utentes”.

O Presidente da Câmara começou por deixar uma palavra a estes funcionários que há 25 anos ou mais trabalham neste casa porque se dedicaram, além daquilo que é o seu emprego, 25 anos consecutivamente à Misericórdia. Isto, no seu entender, “é algo que naturalmente merece ser realçado” e merece também “uma palavra de reconhecimento do Presidente da Câmara pela vossa dedicação porque trabalhar numa Misericórdia é muito mais do que um emprego”.

Em seguida, Aires Pereira referiu-se ao trabalho desenvolvido pelo Município no apoio à terceira idade e às pessoas mais débeis no concelho da Póvoa de Varzim começando por constatar que “este é um daqueles problemas com os quais me cruzo todos os dias e não se resolve com dinheiro. É preciso muito mais. Criar condições de conforto, de dedicação, de cuidado àqueles que estão debilitados e no terço final da sua existência é mais difícil que temos pela frente”.

O edil anunciou que tem duas obras em curso (reabilitação da Escola da Lapa e Escola de Aver-o-Mar) com a “única e exclusiva missão de transformá-las num Centro de Dia”, alertando para a importância de não desresponsabilizar as famílias para aquilo que é uma responsabilidade social de todos.

O Presidente transmitiu que a solidão é uma preocupação que o Município quer atenuar e para o efeito “todos nós temos obrigação de criar uma rede de contactos e de interação que nos permita fazer com que o abandono não aconteça”. Neste sentido, referiu-se ao «Desporto Sénior» que é, fundamentalmente, um projeto social: “já conta com mais de mil idosos que todos os dias se juntam nas instalações municipais. O principal objetivo é manter as pessoas ativas”.

O autarca considera que “é através de parcerias como esta com as associações locais, com a Misericórdia, que conseguimos fazer um concelho muito mais solidário, inclusivo, ou seja, não permitir que haja pessoas que se sintam sozinhas”.

Aires Pereira revelou ainda que o Município implementou um serviço de teleassistência domiciliária destinada a idosos que vivem sozinhos, concluindo que “são projetos como este que podem fazer a diferença no nosso concelho”.

O edil referiu-se aos projetos que o Provedor da Santa Casa tem em vista para o futuro, nomeadamente, Requalificação dos Espaços de Atividades e Ampliação de Lar Residencial (8 quartos duplos + 2 quartos suite), na Rua Dr. Leonardo Coimbra, e ainda Unidade de Imagiologia e Análises Clínicas na Rua José Régio.

A este propósito transmitiu que “ao longo dos últimos quatro anos, a presença do Município na Santa Casa da Misericórdia tem sido efetiva e tudo o que temos acordado tem sido concretizado como é exemplo a obra no Centro de Dia hoje inaugurada. O Município não a solução mas é parte dela”. E nesse sentido, manifestou ao Provedor a disponibilidade do Município para continuar com a Misericórdia a melhorar as suas instalações, a fazer as ampliações necessárias para que consigamos acabar com a lista de espera no Lar.

O Provedor da Santa Casa da Misericórdia da Póvoa de Varzim, Virgílio Ferreira, deu a conhecer o trabalho desenvolvido pela instituição nas suas diversas valências (Lar, Centro de Dia, Cantina Social e serviços de saúde), transmitindo que “a tarefa de criar condições para uma vida mais feliz dos poveiros mais idosos na sua dimensão e diversidade de frentes de ação terá de ser partilhada pelos serviços municipais, forças de segurança, serviços judiciais e serviços de saúde e instituições da área social”.

Virgílio Ferreira referiu que uma das medidas para a criação de melhores condições físicas para as atividades dos idosos foi a reabilitação do Centro do Dia com a comparticipação financeira do Município, acrescentando que “o nosso Centro de Dia não é apenas um espaço de socialização e ocupação, é uma resposta social às reais necessidades das pessoas e que, de um modo integrado e sem deslocações, responde às questões de saúde e imagem dos nossos idosos”.

O Provedor falou ainda dos projetos futuros: Requalificação dos Espaços de Atividades e Ampliação de Lar Residencial (8 quartos duplos + 2 quartos suite), na Rua Dr. Leonardo Coimbra, e ainda Unidade de Imagiologia e Análises Clínicas na Rua José Régio, e reconhecendo tratar-se de grandes investimentos disse que “mais uma vez vão pedir ajuda ao Município” mas “não desistiremos perante as dificuldades”.

Seguiu-se o descerramento de um painel de azulejos com o brasão da Santa Casa da Misericórdia, da autoria do artista poveiro Fernando Gonçalves “Nando”.

As cerimónias terminaram com o Presidente a inaugurar o novo espaço do Centro de Dia, visita às instalações e, por fim, cantaram-se os Parabéns à instituição.

Veja a fotogaleria.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *