Cultura, Melgaço

Museus de Melgaço de portas abertas

image015

Os espaços museológicos de Melgaço têm hoje as portas abertas para assinalar o Dia Internacional dos Museus que se assinala hoje, 18 de maio, sob o tema ‘Museus e histórias controversas: dizer o indizível em museus’. A Torre de Menagem, o Espaço Memória e Fronteira, o Museu de Cinema Jean Loup Passek, o Núcleo Museológico de Castro Laboreiro e a Porta de Lamas de Mouro são os espaços com entrada gratuita e onde os turistas têm muito para descobrir sobre as tradições e costumes de Melgaço. Haverá ainda a oportunidade de visitarem o Solar do Alvarinho, espaço que está aberto ao público gratuitamente todo o ano e oferece provas de Alvarinho.

Dados da Loja Interativa de Turismo de Melgaço demonstram que Melgaço é eleito por turistas nacionais e estrangeiros: em 2016, 3314 visitantes passaram pelo espaço. Foram turistas de diversos pontos do País e do Mundo: 1708 nacionais e 1606 internacionais. O Solar o Alvarinho é o espaço preferencial, com 16561 visitantes. Segue-se a Porta de Lamas de Mouro – 9922; a Torre de Menagem – 8301; o Posto de Castro Laboreiro – 4196; o Museu de Cinema Jean Loup Passek – 2647; o Museu de Castro Laboreiro – 2446; e o Espaço Memória e Fronteira – 1971.

 

Horários:

Museus e Porta de Lamas de Mouro: das 9h30 às 13h00 e das 14h00 às 18h00.

Solar do Alvarinho (Sala de Prova, Loja e Bar: das 10h00 às 13h00 e das 14h30 às 19h00).

 

E ainda…

No âmbito do Dia Internacional dos Museus, Castro Laboreiro acolhe o evento ‘CHOCOLATE SEM FRONTEIRAS’, uma ação que vai permitir recriar a antiga Fábrica de Chocolate da Vila de Castro Laboreiro, em Melgaço, do qual todos poderão fazer parte, durante os dias 26, 27 e 28 de maio. A proximidade com a natureza, as entidades envolvidas e os próprios residentes, convida os participantes a entenderem a cultura e as vivências de Castro Laboreiro noutros tempos.

Será um fim de semana diferente, em harmonia com a história, os usos e os costumes locais. A organização vai proporcionar experiências únicas, de contacto com a tradição e com o Património da vila Melgacense,como sendo as visitas ao castelo de Castro Laboreiro, ao Núcleo Museológico de Castro Laboreiro e a recriação da história da Fábrica de Chocolate, conseguida com a ajuda do grupo de teatro Fora D´Horas. Também o Centro de dia de Castro Laboreiro se associa ao evento, reavivando a tradição da Carpeada (ciclo da lã), lembrando que no final havia chocolate no lanche tradicional.

 

Programa:

sexta dia 26 (Centro Cívico de Castro Laboreiro)
21h00 Welcome Drink
22h00
Noite de cinema com chocolate quente

sábado dia 27
10h30
Trilho guiado ao Castelo de Castro Laboreiro, com animação (encontro: Pastelaria Castrejinha)
14h00 Fábrica do Chocolate com animação teatral (Núcleo Museológico de Castro Laboreiro)
17h00 Carpeada tradicional (Centro de Dia de Castro Laboreiro)
18h30
Workshop de Chocolate artesanal (Centro Cívico de Castro Laboreiro)
20h00 Petiscos e feira de produtos regionais (Centro Cívico de Castro Laboreiro)
23h00 Queimada

domingo dia 28
11h00
Trilho solidário Geocaching (Núcleo Museológico de Castro Laboreiro)

 

A saber…O Dia Internacional dos Museus, criado pelo ICOM – Conselho Internacional de Museus, celebra-se anualmente a 18 de maio, através da organização de diversas atividades. A temática deste ano apela a uma reflexão, naturalmente diferenciada e respondendo aos contextos nacionais, do papel dos museus nas comunidades e na sociedade em geral.

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *