Cultura, Póvoa de Varzim, Sociedade

Rancho da Póvoa de Varzim comemora 80 anos com espetáculo solidário

No dia 20 de maio, sábado, às 21h45, o Cine-Teatro Garrett será palco de um espetáculo integrado nas comemorações dos 80 anos do Rancho Poveiro.

O grupo irá apresentar um espetáculo de variedades em quatro partes: “Entre a terra e o mar”; “Melodias de outros tempos”; “Alegria na cidade” e “Folclore poveiro… História e Tradição”.

A receita do espetáculo irá reverter a favor do Movimento de Apoio a Pais e Amigos do Diminuído Intelectual, sendo que os interessados devem comprar os ingressos disponíveis no MAPADI por 10 poveiros (plateia) e 7,5 poveiros (camarotes e balcão).

O Rancho Poveiro foi fundado em 24 de Junho de 1936, pelo etnógrafo poveiro António dos Santos Graça, com a finalidade de manter vivos os trajes, danças e cantares dos pescadores. Representa a região etnográfica do Douro Litoral.

Ao longo da sua atividade o Rancho Poveiro dançou por todo o Portugal, desde o Minho ao Algarve, em Espanha, França, Suíça, Brasil e Bélgica. 

Os trajes são os usados pelos pescadores da Póvoa nos finais do século XIX, e neles predomina a “branqueta” (fazenda de lã branca) nas saias e nas calças e ainda a tão famosa camisola de lã branca, bordada a ponto de cruz com motivos marítimos, que as raparigas ofereciam aos namorados. 

As chulas, os viras e as danças de roda são as mais tradicionais. 

A tocata é formada por acordeões, violas, cavaquinhos, bombo e ferrinhos.
Desde a sua fundação, o Rancho Poveiro está sob a responsabilidade da Câmara Municipal da Póvoa de Varzim, representando um dos principais fatores de promoção e animação turística e de cultura popular.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *