Economia, Oliveira de Azeméis

Jornadas mostram a dinâmica da formação e o sucesso empresarial de Oliveira de Azeméis

Aqui há futuro

As jornadas de empreendedorismo “Aqui Há Futuro” são “o reflexo da dinâmica das escolas e do tecido empresarial de Oliveira de Azeméis”, afirmou hoje o presidente da autarquia, Isidro Figueiredo, na abertura da quarta edição do evento que decorre até este sábado no pavilhão municipal António Costeira.

A iniciativa, uma parceria entre as autarquias de Oliveira de Azeméis e Vale de Cambra, junta até depois de amanhã cerca de meia centena de expositores ligados à atividade empresarial, ao ensino e a organismos de formação disponibilizando cursos e saídas profissionais para os estudantes.

O objetivo é promover o contacto entre alunos e as empresas procurando facilitar a orientação profissional e a sua inserção no mercado de trabalho. Além da oferta direcionada para os alunos, as jornadas pretendem ser um espaço de reflexão sobre a inovação e o empreendedorismo ajudando ao desenvolvimento de ideias e projetos de negócios.

Depois de sublinhar a importância da parceria com o município de Vale de Cambra, Isidro Figueiredo elogiou o sucesso dos empresários oliveirenses e o dinamismo dos agrupamentos de escolas.

“Perante esta realidade temos o nosso trabalho facilitado”, disse Isidro Figueiredo, realçando a realidade industrial que representam os empresários dos dois concelhos.

“Somos uma das regiões mais exportadoras do país e com baixa taxa de desemprego e isso não se deve ao acaso mas sim porque estamos perante dois municípios facilitadores do desenvolvimento onde não falta inovação e empresários de sucesso”, afirmou, reforçando não existir falta de falta de trabalho num concelho de oportunidades e “com futuro”.

A mesma opinião deixou o presidente da Câmara de Vale de Cambra, José Pinheiro, afirmando “estarmos numa região com empresários de sucesso, que criam emprego e geram riqueza para a região e para o país”.

O autarca alertou, no entanto, para a necessidade de se adequar a formação aos interesses e à especificidade empresarial de cada um dos municípios acentuando que “o grande drama neste momento é conseguir-se mão-de-obra qualificada que permita que as empresas continuem a crescer”.

As jornadas de empreendedorismo “Aqui Há Futuro” encerram este sábado e incluem, além de uma série de palestras, a realização, esta sexta-feira, das Jornadas da Educação Maria Adília Alegria Martins e a apresentação dos projetos do I Orçamento Participativo das Escolas.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *