Cultura, Destaque, Marinha Grande, Sociedade

Marinha Grande comemora aniversário

RitaRedShoes_11032017

No próximo dia 11 de março (sábado), a Marinha Grande e os municípios geminados do Fundão, Montemor-o-Novo e Vila Real de Santo António, comemoram o 29º aniversário da sua elevação a cidade.

As cidades unidas pela sua ascensão àquela categoria no mesmo dia (11 de março de 1988), celebram o acontecimento de forma rotativa. Este ano, Montemor-o-Novo é a anfitriã. Como habitualmente, o programa envolve os representantes das entidades dos quatro concelhos e os alunos e professores do 1º ciclo que integram o projeto educativo “À Descoberta das 4 Cidades”.

Na Marinha Grande, a efeméride é assinalada no dia 11 de março, pelas 21h30, na Casa da Cultura Teatro Stephens, com a realização do concerto de Rita RedShoes, recordando-se também o facto de, este ano, se comemorar o Centenário da Restauração do concelho.

Sinopse do concerto |
Rita Redshoes iniciou o seu percurso como baterista num grupo de teatro de escola, passou por inúmeros projetos musicais como autora e intérprete, onde tocou muitos instrumentos e gravou vários discos (Atomic Bees, Photographs, Rebel Red Dog, David Fonseca, The Legendary Tigerman, Noiserv). Tem também colaborado em inúmeras bandas sonoras premiadas para teatro e cinema, tendo, inclusivamente, discos editados nesta área.

Recentemente tocou no lendário Joe’s Pub, em Nova Iorque e apresentou também em Nova Iorque, no MoMA, e posteriormente em Berlim, a banda sonora original do documentário “Portugueses no Soho”, de Ana Ventura Miranda.

Em 2016, depois de “Golden Era” (2008), “Lights & Darks” (2010) e de “Life is a Second of Love” (2014), Rita Redshoes rumou em junho a Berlim, onde gravou o seu quarto álbum de estúdio.

O novo registo discográfico, “Her”, contou com a produção de Victor Van Vugt, produtor do seminal disco de Nick Cave, “Murder Ballads” e do disco de Beth Orton, “Trailer Park”, vencedor do prestigiado Mercury Prize. O produtor australiano já trabalhou também com artistas tão diversos como P.J.Harvey, Depeche Mode, The Fall, Billy Bragg ou Einsturzende Neubauten, entre outros.

Para além de ser o álbum em que a artista mais instrumentos tocou (piano, omnichord, teclados e guitarra acústica) é também o trabalho em que Rita Redshoes escreve e interpreta, pela primeira vez a solo, três temas em português, um dos quais em co-autoria com Pedro da Silva Martins.

Ficha Técnica e Artística |
Rita Redshoes – Voz e piano
Nuno Lucas – Baixo
Rui Freire – Bateria
Maria da Rocha – Violino
Denys Stetsenko – Violino
Bruno Silva – Viola
Valter Freitas – Violoncelo
Classificação Etária | M/4
Duração | 75m
Preço | 12,50€

Bilheteira: Teatro Stephens, de terça-feira a domingo, das 10h00 às 13h00 e das 14h00 às 18h00, nos dias de espetáculos das 18h00 às 22h00.

“À Descoberta das 4 Cidades”

O projeto “À Descoberta das 4 Cidades” é dirigido a alunos do 1º ciclo do ensino básico. Contribui para dar a conhecer melhor cada um dos quatro concelhos, a nível geográfico, social, cultural e económico; melhorar a formação cívica de todos os participantes e promover a cooperação entre estes municípios.

O projeto incentiva também a participação da restante comunidade, que tem descoberto os valores comuns a cada município e as suas particularidades, promovendo com esta experiência a harmonia entre eles.

Este ano, em representação do concelho da Marinha Grande participam as Escolas Básicas do Engenho e Guilherme Stephens. No total dos quatro municípios, estão envolvidos 144 alunos e 15 professores.

“DE BOCA A ORELHA. Contos, lendas, provérbios, adivinhas, lengalengas… À descoberta do património oral das 4 cidades” é a ação educativa do projeto que se iniciou no passado ano letivo e culmina em 2016/2017.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *