Estremoz, Sociedade

Estremoz tem mais recolha de resíduos

unnamed

Estremoz está de parabéns pelo aumento de quantitativos recolhidos em 2016.

Considerando os dados divulgados pela Gesamb – Gestão Ambiental e de Resíduos, EIM,  verificou-se que a nível deste sistema, houve um aumento de 8,4% dos resíduos (papel/cartão, vidro, plástico e metal) entregues na Gesamb e encaminhados para reciclagem.

No caso do Município de Estremoz, foram entregues 474 toneladas de materiais recicláveis (papel/cartão, vidro, plástico e metal) verificando-se um aumento da capitação entre 2015 e 2016 de 30 para 35 kg/hab. ano.
Tendo em conta o Despacho n.º 3350/2015, de 1 de abril que define as metas intercalares de retomas de recolha seletiva por SGRU (Sistema de Gestão de Resíduos Urbanos) para o período 2014-2020 verifica-se que em 2016 a Gesamb tinha que atingir o valor de 33 kg/hab. Tendo em conta o aumento de quantitativos a Gesamb atingiu a meta com 33 kg/hab., para o ano de 2017 o valor da meta sobe para 35 kg/hab. ano e em 2020 será de 48 kg/hab. ano. Os valores das metas a cumprir são bastante ambiciosos pelo que se apela à colaboração de todos para a separação dos resíduos e colocação nos ecopontos ou ecocentro.

Informa-se que o Ecocentro de Estremoz está localizado na Estrada de S. Domingos, junto ao Estádio Municipal, e que funciona de 2.ª a 6.ª feira, das 8:00 às 13:00 horas e das 14:00 às 17:00 horas. No Ecocentro pode entregar os seguintes resíduos:

– Plástico, embalagens para alimentos líquidos e metal de embalagem;
– Papel e cartão limpo e seco;
– Vidro de embalagem;
– Resíduos verdes (limpeza de parques e jardins);
– Monstros não ferrosos (por exemplo: sofás, colchões, móveis);
– Monstros ferrosos (por exemplo: bicicletas, camas);
– Equipamento elétrico e eletrónico (por exemplo: frigoríficos, maquinas de lavar, computadores;
– Madeira (embalagem de madeira);
– Óleos usados (óleos minerais geralmente utilizados em motores de veículos e lubrificantes);
– Pilhas e acumuladores;
– Resíduos de Construção e Demolição.
Relativamente à entrega destes resíduos, o munícipe só terá que pagar no caso dos monstros não ferrosos e resíduos de construção e demolição.

Vamos continuar a reciclar!

Estremoz tem mais Reciclagem!

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *