Economia, S. João da Madeira

S. João da Madeira aumenta índice de construção para a indústria

????????????????????????????????????

Considerando os desafios que se colocam à comunidade empresarial em termos de competitividade global, o Município de S. João da Madeira aprovou o aumento do índice de construção para os investimentos industriais na cidade. O limite que anteriormente se situava nos 3 metros cúbicos por cada metro quadrado de área passa a ser de 6 metros cúbicos.

Resultando de uma alteração ao Plano Diretor Municipal (PDM), esta medida, que entrou em vigor neste dia 1 de fevereiro, tem em consideração “a evolução tecnológica que hoje acompanha os sistemas de produção e que permite adotar soluções logísticas que até há bem pouco tempo atrás eram impensáveis ou irrealizáveis”.

 

Mais desenvolvimento e mais emprego

Como refere o Presidente da Câmara de S. João da Madeira, o PDM de S. João da Madeira era “muito limitativo no que concerne ao pé-direito permitido para as construções nas zonas industriais quando comparado com outros municípios”. Um facto que, como sublinha o autarca, colocava o concelho numa posição menos competitiva, pois “criava dificuldades aos empresários que queriam investir no concelho ou ampliar as suas instalações”.

Ricardo Figueiredo sublinha que esta alteração ao PDM “duplica o índice volumétrico permitido aos pavilhões industriais, o que é muito importante para a estruturação das nossas zonas industriais e, consequentemente, para o desenvolvimento económico da cidade”.

Agora, conclui o Presidente da Câmara, “o nosso concelho vai ser ainda mais atrativo para o investimento empresarial na ampliação de instalações ou na construção de novas unidades, criando mais emprego e maior desenvolvimento económico”.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *