Economia, Espinho

Espinho reduziu 41% da dívida em 4 anos

A redução de 5 Milhões de euros na divida do Município de Espinho em 2016, concretiza uma redução global nos últimos quatro anos de 20 milhões de euros (41% do total da dívida do município).

Este resultado assinalável é consubstanciado no pagamento a fornecedores, tendo o município liquidado até 31 de dezembro último todas as faturas que deram entrada até essa data.

A execução do orçamento de 2016, permitiu ainda liquidação de grande parte da dívida remanescente à ADSE proveniente do final dos anos 90. Permitiu ainda o reforço das verbas às juntas de freguesia no ano 2016 e o arranque de várias empreitadas de repavimentação de arruamentos do concelho.

A execução orçamental da receita e da despesa foi de 86%. A receita corrente foi de 23M€ e a despesa corrente de 20 M€, registando um saldo corrente de cerca de 3M€. O investimento global em 2006 foi de 4,8 M€.

Sobre os limites de endividamento, Espinho passa a estar situação de cumprimento total do limite legal, registando no final de 2016 cerca de 5 milhões de euros de margem positiva.

Esta situação permitirá ao município reduzir em 2017 os impostos municipais, nomeadamente a taxa de IMI, a participação variável de IRS e a Derrama de IRC. A comprovar esta evolução, salienta-se que a taxa de IMI aprovada em 2016 foi reduzida em 10% (de 0,5% para 0,45%) devido ao excelente desempenho financeiro do Município.

Se precisa de gestão de publicidade online pode ver a Livetech

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.