Guimarães, Sociedade

Quatro mil escuteiros assinam “Compromisso Guimarães Mais Verde”

unnamed-64

A Candidatura de Guimarães a Capital Verde Europeia 2020 (CVE) e a Junta de Núcleo de Guimarães do Corpo Nacional de Escutas (CNE), com cerca de 4 mi escuteiros, assinaram este sábado, 03 dezembro, declarações de “Compromisso Guimarães Mais Verde”, documento que propõe a adoção de comportamentos simples, como o respeito pelas normas do ruído, um esforço de poupança de água, utilização de transportes alternativos, separação do lixo, redução de fatura energética, respeito pelos rios e linhas de água, proteção da floresta, entre outros.

A cerimónia protocolar, que decorreu no Laboratório da Paisagem, contou com a presença do Presidente do Município, Domingos Bragança, e do Chefe de Núcleo de Guimarães do CNE, Ernesto Machado, que preside à maior estrutura do país, reunindo 56 agrupamentos do concelho. A sessão teve ainda a presença do Vice-Presidente, Amadeu Portilha, da Coordenadora Executiva da CVE, Isabel Loureiro.

«A soma de todos é que opera a mudança, partindo do local para o geral! O sonho comanda a vida e só quem começa a caminhada é que consegue chegar ao fim, até porque o caminho a percorrer permite-nos aumentar patamares de qualidade! Queremos um compromisso com entusiasmo, com paixão, porque nós acreditamos! Cada um de vós tem de envolver mais três amigos», propôs Domingos Bragança, mencionando o fundador do movimento escutista como uma das referências na proteção do ambiente e da promoção da ecologia.

O Artigo 6º da Lei do Escuta serviu de base à intervenção de Ernesto Machado. «O escuta protege as plantas e os animais!», disse, garantindo que o Núcleo de Guimarães irá «assumir o compromisso com honra e confiança». «O melhor galardão é deixar o mundo melhor do que aquele que encontramos. Temos de criar uma grande envolvência e cada um de nós terá de convidar mais três amigos a assinar este Compromisso», acrescentou.

Fidelizar o Compromisso
Amadeu Portilha, por sua vez, referiu que Guimarães «vai fazer a diferença, construindo um paradigma de desenvolvimento diferente, com pequenos gestos, ajudando a construir um território agradável para viver, através de um compromisso de fidelização de um tempo novo! Precisamos do vosso exemplo, do vosso cuidado e da transmissão desta mensagem», opinião igualmente partilhada por Isabel Loureiro, que reafirmou a necessidade de uma «mudança de comportamentos, rotinas e de hábitos».

A Candidatura de Guimarães a Capital Verde Europeia desafiou os vimaranenses a comprometer-se com o projeto de construir um Município mais sustentável, protegendo a natureza e respeitando o ambiente. Esta declaração de compromisso é dirigida a todos, mas aos vimaranenses em particular. Para além de muitos anónimos e outras figuras públicas de destaque, o Ministro do Ambiente, José Matos Fernandes, bem como o Secretário de Estado Adjunto e do Ambiente, José Mendes, também já assinaram o Compromisso Guimarães Mais Verde.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *