Celorico de Basto, Saúde

Celorico de Basto celebra Dia Mundial da Diabetes

imagem-da-diabetes

A Unidade Móvel de Saúde de Celorico de Basto baseada no tema lançado pela Federação Internacional da Diabetes “Olhos na Diabetes” vai desenvolver uma série de ações de sensibilização para a diabetes. Durante todo o mês de novembro a UMS fará o rastreio da Diabetes e no dia 14 de novembro, instituído oficialmente como Dia Internacional da Diabetes, várias ações serão promovidas como forma de sensibilização e consciencialização para a problemática.

“Esta sensibilização e consciencialização são fundamentais. Infelizmente, as estatísticas mostram que há cada vez mais diabéticos, cada vez mais pessoas com problemas de obesidade, fruto do sedentarismo e hábitos alimentares hipercalóricos por isso, incentivamos os técnicos da UMS a promover campanhas que consciencializem as nossas populações para hábitos saudáveis”, disse o presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto, Joaquim Mota e Silva. “Sensibilizar e educar para comportamentos e formas de estar saudáveis é fundamental em todas as faixas etárias” realçou.

“Apostar na prevenção é o principal objetivo de toda a ação da UMS, mas estas ações têm de ser interativas, a população tem de participar ativamente nas atividades pois só assim conseguimos transmitir a importância de adotar comportamentos saudáveis e a população retém essa informação. Os públicos -alvo são diversificados, vai desde as crianças, jovens, adultos até à população idosa, por que a Diabetes não tem idade, aparece silenciosamente e instala-se, com consequências para toda a vida”, disse Helena Martinho Costa coordenadora dos Serviços Sociais e de Saúde da Câmara Municipal.

No próximo dia 14 de novembro, a UMS estará no Castelo de Arnoia a promover uma iniciativa desportiva a “Rota pela Diabetes” direcionada aos mais jovens que visa incentivar para a prática desportiva. A tarde é direcionada aos mais adultos com um rastreio da Diabetes na UMS e um rastreio Oftalmológico promovidos na Praça Albino Alves Pereira.

“Durante a manhã vamos procurar incutir comportamentos saudáveis nas crianças através de atividades divertidas, incentivando à prática de exercício físico, à alimentação saudável e à hidratação com uma referência especial à importância da água. À tarde daremos especial atenção ao rastreio oftalmológico tendo em conta que a diabetes pode provocar danos na retina em cerca de 60% dos utentes e consequentemente pode levar à cegueira” destacou a técnica da UMS, Joana Teixeira.

Durante o mês de Novembro a UMS fará, nos locais de paragens, o rastreio à diabetes a todos os utentes que se dirijam à UMS. Paralelamente e em colaboração com o Centro Hospitalar Tâmega e Sousa, este município participará na iniciativa “Tâmega e Sousa iluminado de azul” com a iluminação da Biblioteca Municipal Prof. Doutor Marcelo Rebelo de Sousa, de 12 a 14 de novembro.

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *