Celorico de Basto, Sociedade

Celorico Mais Rendimento um projeto de incremento ao emprego

imagem

O Município de Celorico de Basto em parceria com a Qualidade de Basto E.M. S.A. está a desenvolver um projeto que visa apoiar os celoricenses empregados com baixos rendimentos. A sessão de apresentação do projeto “Celorico Mais Rendimento” está marcada para dia 10 de novembro, pelas 15h00, na Zona Industrial de Carvalho.

“É um projeto novo e inovador que vai de encontro às necessidades daqueles que trabalham mas auferem baixos rendimentos, rendimentos esses ainda mais reduzidos após pagamento da alimentação e do transporte para o trabalho” disse o presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto, Joaquim Mota e Silva. “Queremos que estas pessoas, que recebem salários baixos, se sintam apoiadas e atraídas para trabalhar, com um conjunto de benefícios que lhes permitam ter um maior rendimento disponível no final do mês”. Nesse sentido, efetuaremos as diligências necessárias para que os empregados se sintam motivados a trabalhar e os desempregados procurem as oportunidades de emprego e, ao mesmo tempo, fomentamos a instalação de indústrias nos nossos parques industriais” realçou o autarca.

O projeto Celorico Mais Rendimento abrangerá, numa primeira fase, os empregados com determinados rendimentos fixados em tabela e apresentados aquando da apresentação do projeto. Estes beneficiários terão direito a usufruir de uma rede de transportes, cantinas sociais, isenção em infantários e escolas e outros benefícios articulados entre o setor público e as entidades privadas que se queiram associar ao projeto.

Para aderir, os empregados deverão dirigir-se aos serviços de Ação Social da Câmara Municipal de Celorico de Basto ou à sede da Qualidade de Basto E.M. S.A.

Numa primeira fase, os técnicos do município deslocar-se-ão às empresas para inscrição dos empregados, possíveis beneficiários. Se os serviços verificarem que a pessoa inscrita tem direito a estes apoios ser-lhe-á entregue o cartão de identificação Celorico Mais Rendimento.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *