Cultura, Elvas

Livro retrata “Elvas – das Invasões francesas às guerras liberais”

unnamed-24
“Elvas – das Invasões francesas às guerras liberais”, de Teresa Fonseca, vai ser apresentado em Elvas, na próxima sexta-feira, dia 4, pelas 18 horas, na Biblioteca Municipal de Elvas Dra. Elsa Grilo.
A obra, editada pelas Edições Colibri, procura efetuar a recuperação possível do quotidiano de Elvas e do seu termo no período, particularmente agitado mas recheado de acontecimentos, de tensões sociais e de paixões políticas, que medeia entre a retirada dos Franceses, em 1808 e a proclamação da vitória liberal, em 1834, após a assinatura da Convenção de Évoramonte.
No livro é ainda abordado o impacto socioeconómico da significativa presença dos militares, naquela que era uma das mais importantes praças-fortes do reino. E analisa a sua especificidade enquanto terra de uma movimentada fronteira, por onde transitaram, nos dois sentidos, não só os tradicionais negociantes, almocreves, contrabandistas, salteadores, criminosos fugidos à justiça, residentes nas terras raianas ou forasteiros, mas outros viajantes habituais em períodos conturbados, como contingentes militares, espiões, desertores, guerrilheiros e perseguidos políticos.

A autora do livro, Maria Teresa Couto Pinto Rios da Fonseca, é licenciada em História pela Faculdade de Letras da Universidade do Porto, mestre em História Cultural e Política pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa e doutorada em História das Ideias Políticas por esta última Faculdade.

Esta é a sua obra mais recente, uma vez que é autora de doze livros e de meia centena de artigos sobre História Moderna e Contemporânea, publicados em revistas municipais e académicas, nacionais e estrangeiras, tendo ainda publicado dois livros de divulgação histórica, destinados ao público juvenil.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *