Albergaria-a-Velha, Destaque, Economia

Câmara Municipal de Albergaria-a-Velha apoia criação de 14 novas empresas

A Câmara Municipal de Albergaria-a-Velha assinou, na tarde de 11 de outubro, os primeiros contratos de projetos no âmbito do Regulamento de Incentivos à Criação do Próprio Emprego. Na segunda edição do programa, a Autarquia vai conceder incentivos financeiros a 14 projetos, que deverão criar 25 postos de trabalho.

“Felizmente há pessoas que saem da sua zona de conforto, são otimistas e lutam contra a maré”, afirmou António Loureiro, Presidente da Câmara Municipal de Albergaria-a-Velha, na sessão de assinatura dos contratos, que decorreu na Biblioteca Municipal. Fazendo um balanço dos dois anos do projeto, o Autarca referiu que houve um aumento significativo de candidaturas, de 15, em 2015, para 26, em 2016. Salientou ainda que as 12 empresas apoiadas no ano passado continuam a “trabalhar no terreno”, tendo criado 19 postos de trabalho.

Os novos projetos apoiados no âmbito do Regulamento de Incentivos à Criação do Próprio emprego abarcam diversas áreas, como a consultoria, o desenvolvimento de aplicações web, a produção e comercialização de produtos artesanais, a manutenção de veículos híbridos e elétricos e a criação de serviços de barbearia, instalações elétricas, fotografia e animação turística, entre outros. Os 14 projetos apoiados podem ser consultados aqui.

O Regulamento de Incentivos à Criação do Próprio Emprego é um projeto pioneiro no país que visa atrair ideias de negócio e novas empresas para o Concelho, contribuir para desenvolvimento da economia local e dinamizar as condições de empregabilidade. Através do programa municipal, as novas empresas vão poder usufruir de uma bolsa de incentivos mensal e de um conjunto de apoios à contratação de serviços externos. No total, os empreendedores que instalem as suas empresas no Concelho de Albergaria-a-Velha podem beneficiar até 4000 euros num ano, não reembolsáveis. Os incentivos atribuídos no âmbito do programa são cumuláveis com outros de natureza pública ou privada.

Se precisa de Empresa de web design pode ver a Livetech

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *