Mação, Sociedade

Mação é membro Rede UNESCO de Cidades da Aprendizagem

image004 (11)

O Instituto de Aprendizagem ao Longo da Vida da UNESCO admitiu Mação como seu membro.

A decisão destaca “a visão, planeamento e implementação do conceito de aprendizagem ao longo da vida” em Mação, que assim se torna o primeiro Município em Portugal Continental, e na Península Ibérica, a obter este reconhecimento.

A Rede UNESCO de Cidades da Aprendizagem visa promover o diálogo e a aprendizagem partilhada entre as cidades que a integram, estabelecendo laços e parcerias e aumentando as competências e os instrumentos disponíveis, na perspetiva do Objetivos do Desenvolvimento Sustentável e, em especial, da educação de qualidade inclusiva e com equidade, da promoção de oportunidades de aprendizagem para todos e da transformação dos espaços urbanos em locais “humanos, inclusivos, seguros, resilientes e sustentáveis.”

Mação apresentou à UNESCO um plano integrado de formação ao longo da vida, com três pilares fundamentais: o ensino pré-universitário, com os programas de excelência do Agrupamento de Escolas de Mação; o ensino superior, com cursos de Mestrado Erasmus Mundus, programas de gestão cultural do território (Apheleia) e uma parceria estratégica com o Instituto Politécnico de Tomar; e a aprendizagem permanente de toda a população, envolvendo os outros pilares, a Biblioteca Municipal e a Universidade Sénior (envolvendo as dimensões do aprender e do cuidar, em torno da qualidade de vida global).

Este reconhecimento é, assim, o reconhecimento de uma estratégia muito ampla, convergente, que coloca Mação como um exemplo em termos internacionais.

Um motivo de orgulho para todos os Maçaenses.

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *