Educação, Oliveira de Azeméis

Todos os alunos do 1º ciclo de Oliveira de Azeméis vão ter manuais gratuitos

primage_16664

Todos os alunos do 1º ciclo da rede pública e privada do concelho de Oliveira de Azeméis vão ter manuais gratuitos no ano letivo 2016/2017, anunciou hoje a autarquia.

A medida, numa lógica de igualdade e universalidade, vai abranger dois mil alunos e representa um investimento financeiro municipal de 130 mil euros. Neste projeto estão também contemplados os alunos do ensino doméstico e os alunos do ensino especial integrados nas unidades de multideficiência.

“Esta é mais uma medida de grande alcance social que representa um excelente contributo para auxiliar as famílias oliveirenses nestes tempos em que se continuam a evidenciar dificuldades económicas”, afirmou o presidente da Câmara, Hermínio Loureiro.

Para a concretização desta medida social foi firmada uma parceria com a Associação Comercial de Oliveira de Azeméis e Vale de Cambra (ACOAVC) através da qual as livrarias e papelarias do concelho foram convidadas a aderir e junto das quais os manuais, contra a apresentação de vales oferta que irão ser disponibilizados, os encarregados de educação poderão comprar os manuais e as fichas de trabalho.

Na apresentação do projeto, o autarca, acompanhado pelo vereador da Educação, Isidro Figueiredo, e pelo presidente da ACOAVC, Manuel Tavares, sublinhou a “preocupação da autarquia em que este investimento tivesse repercussão no comércio oliveirense”.

“Quem adquirir os livros fora do concelho não terá direito aos manuais gratuitos”, disse Hermínio Loureiro, explicando que esta é “uma forma de salvaguardar e valorizar o comércio local” incentivando o consumo junto das livrarias e papelarias do município e dinamizando a economia local.

Segundo a autarquia, a gratuitidade dos manuais escolares além de aliviar economicamente as famílias “será um importante contributo para diminuir os níveis de insucesso e abandono escolares, bem como para a melhoria da qualidade do ensino”.

O executivo diz estar a “cumprir uma missão social e apoiar uma das áreas mais importantes que é a Educação” correspondendo a medida a “uma aposta no apoio às famílias”.

Segundo Hermínio Loureiro, a decisão “vem de encontro às expectativas da comunidade educativa, pais, alunos, encarregados de educação e professores”.

A medida, anunciada a dois meses da abertura do novo ano letivo, vem juntar-se a outros apoios da autarquia na área escolar e social dos quais se destaca a atribuição anual de kits de material escolar a todos os alunos do pré-escolar e primeiro ciclo do ensino básico.

O município de Oliveira de Azeméis assume a Educação como uma aposta estratégica tendo sido um dos concelhos que assinou com o Governo um contrato interadministrativo de delegação de competências que aproxima o município, as escolas e a comunidade educativa na tomada de decisões educacionais.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *