Montijo, Sociedade, Turismo

Festas de São Pedro na rua do Montijo

procissao fluvial

As Festas Populares de São Pedro, no Montijo, continuam até dia 3 de julho! Os dois primeiros dias ficaram marcados pela inauguração, o concerto de Aurea e as procissões em honra do santo dos pescadores.

Uma verdadeira multidão marcou presença na abertura das Festas Populares de São Pedro, no dia 28 de junho, demonstrando a forte ligação destas festividades à comunidade montijense.

O discurso de abertura do presidente da Câmara Municipal do Montijo, Nuno Canta, enalteceu a importância das festas para a população: “é o maior acontecimento cultural do Montijo, um importante fator de reforço dos laços afetivos entre todos os montijenses. Celebramos a história, a memória e a tradição, criando laços para o futuro”.

Nuno Canta salientou, ainda, o envolvimento da comunidade na organização das festas que “são uma obra que envolve muitos homens e mulheres. É justo manifestar público reconhecimento àqueles que trabalham e tornam possíveis estas grandes festas. A partir de hoje, até 3 de julho, as ruas, as praças, os becos do Montijo voltam a ser ponto de encontro, voltam a celebrar a vida, a viver a identidade, a tradição e a cultura do nosso povo”.

A abertura das festas serviu para apresentar o Hino das Festas, um momento muito aplaudido pelas dezenas de pessoas presentes.

Ainda no dia 28 de junho, o primeiro dia de Festas Populares de São Pedro encerrou com um memorável espetáculo de Aurea.

O dia 29 de junho, dia de São Pedro e feriado municipal, foi como sempre dedicado às tradições religiosas, com as procissões fluvial e noturna, que encheram as ruas do Montijo. No Museu Municipal foi inaugurada a exposição Santos na Casa que estará patente até 30 de julho.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *