Cultura, Póvoa de Lanhoso

Núcleo Museológico na Póvoa de Lanhoso visitado por perto de 3900 pessoas este ano

Preparativos Manto de Papoilas no Castelo de Lanhoso 1

Cerca de 600 pessoas visitaram o Núcleo Museológico do Castelo de Lanhoso nos dias 21 e 22 de maio. No arranque das comemorações dos 20 anos daquele espaço, na Torre de Menagem do Castelo de Lanhoso, a Câmara Municipal ofereceu visitas gratuitas. Os números dão conta, porém, que, desde o início do ano, bem perto de 3900 pessoas entraram naquele local, ou seja, quase mais duas mil do que em igual período de 2015.

O programa do início das comemorações englobou ainda a abertura da instalação artística “Manto de Papoilas no Castelo”, elaborada em colaboração com Centros de Convívio e IPSS’s do nosso concelho; e a segunda edição de “O concerto ainda mais pequeno do mundo”, no interior do Núcleo, para cerca de 30 pessoas. Houve ainda oportunidade para deixar mensagens no sobreiro existente na praça de armas.

“O núcleo museológico é um dos atrativos para quem visita o nosso ex libris que é o Castelo de Lanhoso. Estamos satisfeitos por tanta gente ter aproveitado a oportunidade de vir até aqui, neste primeiro fim de semana de comemorações. Aproveito para lembrar que, até ao final do ano, teremos outras atividades comemorativas e espero que as pessoas adiram. A instalação artística que inaugurámos na sexta-feira e o concerto foram mesmo momentos inesquecíveis”, refere o Presidente da Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso, Manuel Baptista.

Promovidas pela Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso, estas comemorações irão encerrar no Dia Nacional dos Castelos (7 de outubro).

Mas até lá o programa prevê ainda mais exposições (entre julho e outubro), mais música (julho e agosto) e atividades ao ar livre, como caminhadas (agosto) e um acampamento (setembro), para além de um mercado medieval (julho).

Em 2015, 10 mil pessoas visitaram o Núcleo Museológico do Castelo de Lanhoso, espaço museológico inaugurado a 28 de outubro de 1996. Desde então, tem-se assumido como uma referência patrimonial e cultural para o concelho povoense.

Em 2010, o Núcleo Museológico do Castelo de Lanhoso sofreu uma profunda reformulação do espaço expositivo, destacando-se a maior visibilidade conferida às paredes e às siglas aí inscritas e a criação de mais um piso, através do qual é possível observar não só a laje onde a torre foi erguida, mas também um monumento descoberto no decorrer dos trabalhos arqueológicos e que se suspeita ser pré-romano.

Estas comemorações integram também essa mesma estratégia de divulgação e dinamização turística e cultural do ex libris do concelho, ou seja, o Castelo de Lanhoso.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *