Cultura, Destaque, Póvoa de Varzim, Turismo

Deolinda entre as duas noitadas é a principal novidade das Festas de S. Pedro na Póvoa de Varzim

Deolinda entre as duas noitadas é a principal novidade das Festas de S. Pedrounnamed (84)

De 25 de junho a 3 de julho, a Póvoa de Varzim celebra as Festas de São Pedro. O programa das Festas da Cidade foi apresentado esta manhã, 25 de maio, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, por Luís Diamantino, Vice-Presidente da Câmara Municipal da Póvoa de Varzim.

Acompanhado pelos representantes de cada um dos bairros da cidade (Belém, Matriz, Mariadeira, Norte, Regufe e Sul), Luís Diamantino anunciou que “vamos ter um grande concerto com os Deolinda, no Largo do Passeio Alegre, para toda a gente que quiser vir à Póvoa assistir e para os poveiros”, acrescentando tratar-se de “um grande grupo de música portuguesa”. Este espetáculo será no dia 30 de junho, às 22h00.

Na noite anterior, 29 de junho, também haverá outro concerto no Largo do Passeio Alegre, pela Banda Musical da Póvoa de Varzim e a Banda Cabeceirense.

A 1 de julho, irá realizar-se o Desfile das Rusgas, na Avenida dos Banhos e Avenida dos Descobrimentos, seguindo-se, no sábado, 2 de julho, a Noitada nos Bairros.

Sobre esta segunda noitada, o Vice-Presidente revelou que “houve entendimento com os bairros para que esta aconteça em moldes diferentes do ano passado, ou seja, não vamos permitir que haja aquela música moderna nos vários sítios – Esplanada do Carvalhido, Largo Caetano Oliveira e Auditório da Lota. Haverá, sim, uma festa em cada um dos bairros, junto ao trono e palco que cada um tem instalado, onde a população poderá viver intensamente, como se vivia antigamente, com um cariz mais popular essa festa. O nosso passado, verificamos que isso aconteceu em alguns bairros e foi muito bom e, este ano, queremos que aconteça em todos os bairros. Haverá ainda fogo-de-artifício nesta noite, à uma da manhã, em todos os bairros”.

Sobre o Espetáculo das Rusgas no Estádio do Varzim, no domingo, 3 de julho, Luís Diamantino transmitiu que será “um espetáculo lindíssimo”, adiantando que “vamos alterar a ordem das atuações, sendo a Rusga da Póvoa a abrir, segue-se o MAPADI, Regufe, Sul, Belém, Matriz, Mariadeira e Norte, havendo alternância entre os ditos bairros maiores e os ditos bairros mais pequenos”. No final, das atuações, o Espetáculo Piromusical, no qual o vereador referiu que “estamos a apostar cada vez mais”.

Destaque ainda para a XXVIII Corrida de S. Pedro, a 3 de julho, para a qual é esperada mais de um milhar de participantes, e para o S. Pedrinho e a Pequenada, que junta mais de mil crianças de todo o concelho, a 27 de junho, no Auditório da Lota.

Consulte o programa completo das Festas de São Pedro 2016.

Dando nota da presença do Porto Canal e interesse da RTP na emissão das Festas de São Pedro, o Vice-Presidente constatou que “estas Festas estão a ganhar cada vez mais dimensão”.

Luís Diamantino anunciou que “iremos fazer a promoção destas Festas a Vigo a 11 de junho, incluído nas celebrações do Dia de Portugal (10 e 11 de junho), a convite do Cônsul de Portugal em Vigo. A 18 de junho, iremos a Braga fazer a ação promocional. É um trabalho muito motivador porque somos abordados por muita gente. A Rusga da Póvoa desperta muita curiosidade, nomeadamente nos turistas”.

O autarca fez questão de referir que “as Festas de São Pedro são organizadas pelas associações de bairros, são eles que trabalham nesta festa com afinco, dão o seu melhor. Há aqui uma competição muito saudável e cada vez se nota mais um entendimento entre os vários bairros e os presidentes e as direções das associações, o que é muito salutar para as Festas de São Pedro e vai agregá-las cada vez mais. A comunidade vive à volta destas Festas”.

O Vice-Presidente deixou um apelo a todas as pessoas que, na noitada de S. Pedro, não será permitida a venda de comida e bebida por estabelecimentos que não sejam dessa área, nem particulares: “Trata-se de concorrência desleal a estabelecimentos comerciais de bebidas e restauração. Vamos pedagogicamente avisar as pessoas que isso não pode acontecer. Caso aconteça, teremos que tomar outra posição e autuar”.

Veja a fotogaleria.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *