Castro Marim, Destaque, Turismo

Maior queijo fresco de cabra de raça algarvia saboreado na Terra de Maio em Castro Marim

Era o grande desafio da 9ª edição da Feira Terra de Maio, a produção ao vivo do maior queijo fresco de cabra de raça algarvia, e foi um sucesso. Centenas de pessoas puderam saborear um queijo fresco com aproximadamente 40kg e 80cm de diâmetro, no qual foram utilizados cerca de 170 litros de leite e 1,5kg de flor de sal de Castro Marim. Os mentores desta iniciativa, Câmara Municipal de Castro Marim e Queijaria do Azinhal, pretendem, numa próxima edição, candidatar a iniciativa ao “Guinness World Records”.

Encerrou ontem esta edição da Terra de Maio, por onde passaram, de 20 a 22 de maio, milhares de visitantes, atraídos pelos sabores e saberes mais genuínos da serra algarvia. À semelhança dos anos anteriores, verificou-se uma grande afluência de público espanhol, o que reforça a importância da cooperação entre os três municípios da Eurocidade do Guadiana: Castro Marim, Vila Real de St. António e Ayamonte.

Na abertura, na tarde de sexta-feira, marcaram presença o diretor regional de Agricultura e Pescas do Algarve, Fernando Severino, o presidente, Francisco Amaral, e vereadores da Câmara Municipal de Castro Marim, Filomena Sintra e Nuno Pereira, os presidentes das juntas de freguesia do Azinhal, de Odeleite e de Altura, António Martins, Valter Matias e Nélia Mateus, Cristina Ferradeira, da Direção de Serviços de Alimentação e Veterinária da Região do Algarve, Maria Manuel Valagão, Bertílio Gomes e Vasco Célio, autores do livro “Algarve Mediterrânico”, e a Prof. Carla Almeida, da Universidade do Algarve, entre outras personalidades.

Promover a Cabra de Raça Algarvia e os saberes e sabores a ela associados, é o mote deste evento, que tem vindo a crescer e a conquistar espaço no calendário de programação cultural do Algarve e também na andaluza. O objetivo do certame é promover produtos locais e regionais resultantes das atividades ligadas à agricultura e à criação de gado, bem como as próprias atividades em si, e também aumentar o volume de vendas através da comercialização direta.

O Concurso da Cabra de Raça Algarvia animou mais uma vez o certame. A competição, que escolhe os melhores exemplares da Cabra de Raça Algarvia, contou com a participação de 11 produtores do território do Baixo Guadiana, num total de 55 animais. A entrega de prémios decorreu no domingo. A Cabra de Raça Algarvia é um animal corpulento, que atinge cerca de 50kg em adulto. Com pelo curto, branco e com malhas castanhas de várias tonalidades, a cabra algarvia resulta de um cruzamento entre a cabra charnequeira do Algarve com a cabra marroquina (no séc. XIX) e do cruzamento posterior com a cabra alpina espanhola (no início do séc. XX). O número de efetivos da cabra de raça algarvia está em crescimento no concelho de Castro Marim. Além de ser rentável em termos de produção de carne, a cabra algarvia tem um excelente potencial leiteiro, permitindo não só a comercialização do mesmo, mas também a produção de derivados. O queijo desta cabra é um produto muito procurado e reconhecido pela elevada qualidade e características organoléticas singulares, reconhecido como o queijo mais saudável, sendo já vendido em grandes superfícies comerciais e servido nos restaurantes da região. O Concurso da Cabra de Raça Algarvia foi uma organização da Associação Nacional dos Criadores de Caprinos de Raça Algarvia (ANCCRAL) em colaboração com o Município de Castro Marim.

Artesanato ao vivo, música popular e tradicional, workshops, exposição de cabras de raça algarvia, ateliês de pão e queijo, passeios de burro, demonstrações de cozinha ao vivo, tasquinhas com variada gastronomia local e da região Baixo Guadiana, recriação da ‘Vila de Amêijoas’, falcoaria, animação infantil, entre muitos outros atrativos, fizeram mais esta Terra de Maio, que se tem sedimentado a cada edição.

????????????????????????????????????

Nesta edição, destaque para algumas atividades e espetáculos, nomeadamente a apresentação do livro “Algarve Mediterrânico – Tradições, Produtos e Cozinhas”, o seminário “Economia Rural/PDR2020/Bolsa de Terras”, o desfile “Bioco Tradition”, Por Lurdes Silva, o “Passeio Fotográfico pela Nossa Serra”, do Centro de Cultura e Desporto do Pessoal da Câmara Municipal de Castro Marim, e os espetáculos de Nuno Markl e Vasco Palmeirim, “Top Genius”, no sábado, e de “Sangre Ibérico”, no domingo.

“A Terra de Maio” foi uma organização da Câmara Municipal de Castro Marim e Junta de Freguesia de Azinhal e tem a colaboração do Ministério da Agricultura, Mar, Ambiente e Ordenamento do Território, da Associação Nacional de Criadores de Caprinos de Raça Algarvia (ANCCRAL), Eurocidade do Guadiana, da Direção Regional de Agricultura e Pescas do Algarve (DRAP), do Gran-Plaza Tavira, da NAUTIBER – Estaleiros Navais do Guadiana Lda e Castro Marim Golf & Country Club.

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *