Economia, Educação, Oliveira de Azeméis

Orçamento de 2017 de Oliveira de Azeméis vai ter verba para medidas do projeto “Políticos de Palmo e Meio”

IMG_8947

A Câmara Municipal de Oliveira de Azeméis vai incluir uma verba de 25 mil euros no orçamento de 2017 destinada a materializar as propostas apresentadas no âmbito do projeto “Políticos de Palmo e Meio”.

O anúncio foi feito ontem pelo presidente da autarquia, Hermínio Loureiro, no final da 9ª Assembleia Municipal dos “Políticos de Palmo e Meio” que reuniu, no cine-teatro Caracas, mais de 300 alunos de 16 turmas do 4º ano dos cinco agrupamentos do concelho.

Com a temática centrada na solidariedade intergeracional, a Assembleia aprovou as 10 propostas apresentadas pelos pequenos deputados dos círculos eleitorais de Loureiro, Soares Basto, Ferreira de Castro e Dr. Ferreira da Silva.

A EB de Palmaz propôs a criação do Dia Municipal da Alegria Integeracional enquanto a EB da Areosa pretende a realização de visitas ao Centro de Apoio Familiar Pinto Carvalho e a outras instituições assim como a introdução de melhorias na escola que passará pela sua ampliação.

Quanto á EB1 nº1 de Oliveira de Azeméis a proposta foi de ser instituído o Dia Municipal das Gerações e ser criado um espaço intergeracional. A EB4 da cidade quer, por seu lado, a criação de uma quinta pedagógica e um blogue para a sua divulgação.

As EB do Outeiro e de Santiago de Riba-Ul propuseram, respetivamente, a realização de atividades de apoio aos idosos e a intervenção municipal para minorar as necessidades das pessoas desfavorecidas. A criação de condições para a visita de idosos ao estabelecimento de ensino foi defendida pela EB do Picoto, enquanto a EB de Bustelo propôs a realização de workshops intergeracionais.

Da EB Comendador Ângelo Azevedo surgiu a proposta de um banco de voluntários para apoio aos idosos e a realização de um curso de geriatria na freguesia de S. Roque. A EB de Faria de Baixo defendeu o alargamento da componente de apoio à família.

O presidente do município elogiou a “pertinência das propostas”, mostrando-se satisfeito pelos “alunos mostrarem já a sua preocupação com as questões intergeracionais e da solidariedade”.

“O envelhecimento ativo traz problemas acrescidos à sociedade por esta não ter capacidade de resposta ao aumento da esperança média de vida da população”, disse Hermínio Loureiro, alertando os alunos de que “têm também um papel fundamental de fazerem sorrir os seniores” que são vítimas do isolamento e da falta de suporte financeiro e familiar.

Os participantes da 9ª edição da Assembleia “Políticos de Palmo e Meio” vão visitar, agora, a Assembleia da República, à semelhança de anos anteriores.

A iniciativa, sob o tema “Contributos da minha escola para a solidariedade entre gerações e para o atendimento das necessidades das pessoas desfavorecidas”, integrou o programa de comemorações do 32º aniversário da elevação de Oliveira de Azeméis a cidade.

Os “Políticos de Palmo e Meio” é um projeto de educação para a cidadania criado em 2008 pela Câmara de Oliveira de Azeméis tendo como objetivos a formação cívica dos alunos, o conhecimento das funções exercidas pela câmara municipal e juntas de freguesia e a compreensão do exercício da democracia.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *