Cultura, Seia

Carvin Jones Band Trio encerra Seia Jazz & Blues em concerto carregado de brilhantismo

EPSE Jazz e Blues 2O Festival Seia Jazz & Blues continua a ser uma referência da programação cultural senense, com um cartaz que assegura um lugar de destaque na agenda dos adeptos da conjugação entre jazz e blues. A grande novidade desta XII edição foi a presença e atuação do guitarrista americano Carvin Jones, que muitos apelidam de Jimi Hendrix da atualidade.

Considerado um dos grandes bluesmen contemporâneos e um dos 50 melhores guitarristas de blues pela revista ‘Guitarrist Magazine’, Carvin Jones subiu no passado dia 12 de março, ao palco do Cineteatro da Casa Municipal da Cultura, presenteando a multidão com concerto carregado de brilhantismo, encerrando o certame numa noite de grande intensidade.

Com uma energia inesgotável, carisma e dotado de uma capacidade única de tocar guitarra, num espetáculo em formato trio da Carvin Jones Band Trio, o músico nascido em Lufkin, no Texas (EUA), mostrou o porquê de ser um apaixonado pelos blues, um verdadeiro entertainer e um dos favoritos de muitos fãs do género musical em todo o mundo.

O músico que já partilhou os palcos com lendas como BB King, Santana, Jeff Beck ou Joe Cocker esteve nos últimos dois anos numa digressão pelo mundo inteiro, que incluiu países como o Iraque, Kuwait e agora Portugal.

Na noite anterior, ao palco ficou por conta do quarteto que integra o jovem saxofonista português Ricardo Toscano. Considerado a mais recente e cativante revelação do jazz do nosso país, o músico trouxe à cidade de Seia a alegria, ritmo e calor do jazz.

Já no primeiro concerto do festival, o público presente pôde assistir ao exemplar desempenho da Big Band EPSE (Escola Profissional da Serra da Estrela), acompanhada pelo reconhecido trompetista, compositor e instrumentista brasileiro, Gileno Santana.

Dando continuidade ao sucesso dos anos anteriores, o Município de Seia voltou a levar o Jazz às escolas do concelho. A iniciativa que decorreu entre 7 e 9 de março com a rubrica “Escolas de Jazz”, contou com a participação da Big Band da Escola Profissional da Serra da Estrela (EPSE), que andou pelas escolas do concelho a mostrar as sonoridades do jazz e blues aos mais novos.

Inspirada no tema “Take the A Train” de Duke Ellington, a Big Band EPSE presenteou cerca de 750 crianças e jovens com diversas apresentações musicais. A missão de familiarizar os alunos com as práticas musicais, despertando-os para o mundo dos sons que nos rodeiam e incentivando-os ainda ao desenvolvimento da criação artística foi cumprida.

Criado em 2005, o festival prossegue para a 13ª edição e promete garantir novamente um lugar de destaque na agenda dos amantes de jazz e blues.
www.seiajazzeblues.blogspot.pt

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *