Albergaria-a-Velha, Turismo

Festival Pão de Portugal e Rota dos Moinhos de Albergaria-a-Velha presentes na BTL 2016

btl_1O Município de Albergaria-a-Velha vai levar a terceira edição do Festival Pão de Portugal e a Rota dos Moinhos à BTL – Feira Internacional de Turismo de Lisboa, que vai decorrer entre 2 e 6 de março, no parque de exposições da FIL.

A presença Albergariense na BTL está integrada no stand do Turismo Centro de Portugal, tal como no ano passado. A BTL é a maior feira em Portugal dedicada ao turismo, reunindo os principais agentes turísticos nacionais e internacionais. Para a organização deste ano são esperados 75 mil visitantes, entre agentes profissionais e público, numa área de 32 mil metros quadrados. Estão previstos 1100 expositores. O Brasil é o país convidado e o Algarve é o destino nacional convidado.

O Festival Pão de Portugal e a Rota dos Moinhos vão ser mostrados ao público e agentes profissionais no dia 4 de março, embora os materiais promocionais estejam disponíveis em todos os dias da BTL. A terceira edição do festival dedicado ao Pão decorre entre os dias 10 e 12 de junho, na Quinta da Boa Vista/Torreão. São esperados dezenas de representantes nacionais e alguns internacionais que vêm mostrar várias formas de fazer pão e a sua utilização na cozinha. Paralelamente ao Festival decorre um conjunto de atividades culturais, este ano com a primeira edição do festival de curtas metragens dedicadas ao pão. Em 2015, o Festival Pão de Portugal somou cerca de 27 mil pessoas, em três dias.

O outro produto turístico que Albergaria-a-Velha apresenta é a Rota dos Moinhos, um roteiro que permite conhecer a maior concentração europeia de moinhos de rodízio, com as mós movidas pela força da água, que combina turismo de natureza e atividades ao ar livre. O Município Albergariense promove também o Centro de Atividades Radicais e Ambientais, situado na aldeia de Vilarinho de S. Roque, e os percursos pedestres homologados pela Federação de Campismo e Montanhismo de Portugal. Um dos percursos, o Trilho dos Três Rios, oferece um caminho circular de 14,5 quilómetros entre os rios Caima, Fílveda e Pequeno.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *