Desporto, Mangualde

Cerca de 180 atletas participaram na 2ª edição do ‘Trail Aldeias do Mondego’ em Mangualde

trail2No passado sábado, 14 de novembro, realizou-se a segunda edição do ‘Trail Aldeias do Mondego’ que contou com a participação de cerca de 180 atletas. A iniciativa, organizada pelo Centro Desportivo Abrunhosense, de Abrunhosa do Mato, contou com o apoio da Câmara Municipal de Mangualde, da Junta de Freguesia da Cunha Baixa e da União de Freguesias de Santiago de Cassurrães e Póvoa de Cervães. O edil mangualdense, João Azevedo, juntou-se à iniciativa e deu o mote para a partida.

Compostas por um Trail Longo (40Km), um Trail Curto (15Km) e uma Caminhada (7,5Km), as provas decorreram entre as duas pontes sobre o rio Mondego, que dão acesso à Serra da Estrela. Os “trailers” do percurso longo começaram no centro da cidade de Mangualde, passando pelas Ruinas Romanas da Quinta da Raposeira, as escadarias da Nossa Senhora do Castelo, a serra de Almeidinha, a aldeia de Santiago de Cassurrães e Póvoa de Cervães em direção ao local onde começaram.

José Feliciano Nunes Da Silva, do Maratona Clube Vila Chã foi o vencedor do Trail Curto 15km com 01:27:30. Tendo Daniel Almeida Duarte, do GD Os Ribeirinhos alcançado o segundo lugar com 01:29:53 e João Monteiro, da Associação Jorge Pina, o terceiro com 01:31:30. No Trail Longo 40km, o primeiro lugar do pódio foi para Milton Leal Gonçalves, da ARSM – S. Miguel Poiares, com 04:00:24. Seguindo-se José Manuel Duarte Tomas, da PSP Viseu Runners, com 04:00:59, e António Ferreira, da Mangualde RUNNERS, com 04:01:15, conquistando assim o 2º e 3º lugar respetivamente.

Já no que fiz respeito às provas de equipa com a categoria de Melhor Equipa de 3 Atletas, no Trail Curto 15km o destaque vai para as equipas da PSP Viseu Runners (1º lugar), GD Os Ribeirinhos (2º lugar) e Viriathvs Runners Viseu (3º lugar). Já no Trail Longo 40km, os dois primeiros lugares do pódio foram para a GD Os Ribeirinhos e Viriathvs Runners Viseu, respetivamente 1º e 2º lugar.

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *