Mangualde, Sociedade

Mangualde promove café-debate sobre Violência Doméstica Contra as Mulheres

CAFÉ-DEBATE SOBRE A VIOLÊNCIA CONTRA AS MULHERESEm prol de uma sociedade mais justa, livre de todos os comportamentos violentos e discriminatórios, a Câmara Municipal de Mangualde assinala, no próximo dia 21 de novembro, o Dia Internacional Contra a Violência Doméstica com um café-debate. A iniciativa acontece no CIDEM – Centro de Inovação e Dinamização Empresarial de Mangualde, pelas 14h30, e conta com a participação da Seção de Programas Especiais do Destacamento Territorial de Mangualde (GNR) e de Elza Pais, deputada da Assembleia da República, socióloga e com um percurso profissional académico e político dedicado à promoção da igualdade de género e à prevenção da violência familiar.

O Dia Internacional para a Eliminação da Violência Contra as Mulheres celebra-se todos os anos a 25 de novembro e a Câmara Municipal de Mangualde tem assinalado a data como forma de alertar a sociedade para os vários casos de violência contra as mulheres, nomeadamente casos de abuso ou assédio sexual, maus tratos físicos e psicológicos. De realçar que em média, uma em cada três mulheres é vítima de violência doméstica. Assim, no evento serão debatidas perspetivas e olhares sobre a violência doméstica, quer pela parte de experientes profissionais que apoiam diretamente estas vítimas, quer pela parte de especialistas sobre a temática.

Recordamos que, segundo a APAV – Associação Portuguesa de Apoio à Vítima, o fenómeno da violência contra as mulheres abrange vítimas e agressores de todas as condições, estratos sociais e económicos, tal como os seus agressores. De acordo com os dados da Associação, as mulheres representam mais de 81% das pessoas atendidas na sua rede nacional de 15 Gabinetes de Apoio à Vitima.

Em 1999, as Nações Unidas (ONU) designaram oficialmente o dia 25 de novembro como Dia Internacional pela Eliminação da Violência Contra as Mulheres e desde então tem-se celebrado este dia pelo mundo. A data está relacionada com a homenagem a Tereza, Mirabal-Patrícia e Minerva, presas, torturadas e assassinadas em 1960, a mando do ditador da República Dominicana Rafael Trujillo.

 

SESSÃO DE DEFESA PESSOAL

‘Porque sabemos o forte que consegues ser’

No mesmo dia, pelas 17h00, no Pavilhão Municipal de Mangualde decorrerá uma sessão de KESYI sobre Defesa Pessoal Feminina. A ação é promovida pelos professores do Centro Bujutsu de Mangualde – Artes Marciais, Pedro Veloso e David Alves, a participação é gratuita, sendo de inscrição obrigatória através do email: ssocial@cmmangualde.pt.

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *