Lousã, Sociedade

Câmara Municipal da Lousã considerada como autarquia “Mais Familiarmente Responsável”

AutarquiaMaisfamilarmenteresponsavelA Câmara Municipal da Lousã foi distinguida pelo quarto ano consecutivo como “autarquia familiarmente responsável” pelo Observatório das Autarquias Familiarmente Responsáveis (OAFR) e irá receber a “Bandeira Verde com Palma” no dia 18 de novembro na Associação Nacional de Municípios, em Coimbra.

Uma das medidas tomadas pela Câmara Municipal da Lousã que lhe deu acesso ao prémio foi a tarifa familiar de água, que tem em consideração o número de pessoas por agregado familiar e não penaliza, assim, as famílias mais alargadas, assim como outras taxas e tarifas.

Este galardão é elucidativo da sensibilidade social da Câmara Municipal em várias áreas, nomeadamente o apoio a cidadão em situação de carência económica, a alunos com necessidades educativas especiais, os prolongamentos de horário, transportes, refeições escolares e apoio à aquisição de livros e material escolar.

O investimento nas pessoas e na coesão social, o Plano Municipal Sénior, o apoio às IPSS, o apoio financeiro a Instituições, Clubes e Associações e as Férias Ativas, são outros dos projetos que foram analisados pelo Observatório das Autarquias Familiarmente Responsáveis (OAFR).

Para o Presidente da Câmara Municipal da Lousã, Luís Antunes, “a atribuição deste galardão é o reconhecimento pelas boas práticas de política familiar implementada pela Autarquia e traduz a prioridade estratégica definida de investimento nas pessoas”.

A Câmara da Lousã será uma 41 Câmaras distinguidas por medidas concretas de apoio às famílias, algumas das quais com distinção de “Palma” que destaca os Municípios com três ou mais distinções consecutivas.

Foram analisadas as políticas de família dos municípios em dez áreas de atuação: 1. apoio à maternidade e paternidade; 2. apoio às famílias com necessidades especiais; 3. serviços básicos; 4. educação e formação; 5. habitação e urbanismo; 6. transportes; 7. saúde; 8. cultura, desporto, lazer e tempo livre; 9. cooperação, relações institucionais e participação social; 10. outras iniciativas. São ainda analisadas as boas práticas das autarquias para com os seus funcionários autárquicos em matéria de conciliação entre trabalho e Família.

A Bandeira Verde tem como principal objetivo dar visibilidade às autarquias com boas práticas e incentivar as restantes a fazerem mais e melhor no âmbito das políticas de apoio à família.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *