Marinha Grande, Sociedade

Dia da Igualdade do Género na Marinha Grande

MaosDadas_1_728_2500A Câmara Municipal da Marinha Grande vai assinalar o Dia da Igualdade do Género no próximo sábado, 24 de outubro, pelas 16h30, no Auditório do Edifício da Resinagem, na Praça Guilherme Stephens, na Marinha Grande.

O evento inclui conferências e a assinatura do compromisso de adesão à Rede Nacional de Responsabilidade Social (RSOpt) e do protocolo de cooperação com a Comissão para a Cidadania e a Igualdade de Género (CIG), por parte do Município da Marinha Grande.

O programa do Dia da Igualdade do Género é o seguinte:

24 de outubro de 2015 (sábado)
16h30 | Abertura: Presidente da Câmara
16h40 | André Magrinho (Fundação AIP): “Desenvolvimento, Responsabilidade Social e Igualdade na Sociedade Portuguesa”
17h00 | Representante da PSP da Marinha Grande: “A Violência de Género”
17h20 | Marina Domingues (ADESER II): “CLDS 3ª geração: Na promoção da Igualdade de Género”
17h45 | Apresentação da Rede RSOpt e da Comissão para a Igualdade de Género
18h00 | Assinatura do Compromisso de Adesão à Rede RSOpt e do Protocolo com a CIG
18h15 | Encerramento

Responsabilidade social nas organizações

A Rede RSOT tem como missão promover o desenvolvimento, operacionalização e incorporação de conceitos e ferramentas de responsabilidade social nas organizações, promover a convergência e disseminação de conhecimento nesta área e contribuir de forma significativa e real para a implementação de políticas e práticas sustentadas na gestão das organizações, independentemente do ramo de atividade que estas exerçam, dimensão ou localização que tenham.

A adesão à Rede pressupõe a atuação de acordo com os seguintes princípios:

– Ética e transparência,
– Direitos humanos fundamentais,
– Boa governança,
– Diálogo com as partes interessadas,
– Criação de valor,
– Gestão de recursos humanos,
– Diversidade e igualdade,
– Proteção e gestão ambiental,
– Desenvolvimento das comunidades locais,
Marketing responsável.

O protocolo com a CIG visa, entre outros objetivos, a promoção de intervenções pró-ativas em benefício das mulheres para a sua participação na esfera pública, incentivo às ações em benefício dos homens para a sua participação na esfera privada e o reforço de competências básicas para o exercício efetivo e permanente da cidadania.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *