Batalha, Cultura, Porto de Mós

Jornadas Internacionais “Memórias do Carvão” perpectuadas em livro – Porto de Mós

unnamed (11)Decorreu no passado sábado a apresentação do livro “Memórias do Carvão”. A cerimónia contou com a presença dos Presidentes de Câmara da Batalha e de Porto de Mós, do Professor José Brandão e da Professora Fátima Nunes, editores, de Marques Amaro, administrador da empresa Ricel, e do Arquiteto José Charters Monteiro, responsável pela apresentação da obra pelos laços afetivos e familiares que o unem à figura de João Monteiro da Conceição, seu pai, diretor da Empresa Mineira do Lena, fundador da empresa Ricel, figura incontornável da história mineira e industrial local.

O evento decorreu num dos pavilhões da empresa Ricel, o único espaço cuja construção remonta ao tempo da fundação da Empresa Mineira do Lena, na década de 30, do século passado. Um espaço privilegiado, um exemplo, também, de património industrial e que possibilitou a comunhão entre a memória, as vivências e o trabalho de investigação.

A obra agora editada resulta da reunião dos trabalhos apresentados por especialistas nacionais e internacionais de reconhecido valor nas Jornadas Internacionais “Memórias do Carvão”, realizadas em setembro de 2014, iniciativa promovida pelo Instituto de História Contemporânea (Universidade Nova de Lisboa), pelo Centro de Estudos de História e Filosofia da Ciência (Universidade de Évora) e pelos Municípios da Batalha e de Porto de Mós em torno da temática da preservação e valorização do património mineiro, num território que, ainda hoje, perpetua memórias bem vivas associadas à atividade extrativa do carvão, corporizada na ação desenvolvida no seio do Couto Mineiro do Lena, no decorrer da primeira metade do século XX, nos concelhos de Porto de Mós e da Batalha.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *