Cultura, Portimão, Turismo

A sardinha sai à rua com um cartaz musical de excelência e acesso livre em Portimão

AF Cartaz - 148E-15_CMP_Festival SardinhaEntre 12 e 16 de Agosto, a sardinha volta a ter honras de festa no Festival da Sardinha, numa organização da Câmara Municipal de Portimão.

À semelhança da edição anterior, estará disponível o Prato “Festival” (€7,00) constituído por 1 fatia de pão, 4 sardinhas, batata cozida e salada à algarvia num dos 6 restaurantes aderentes: (À Ravessa, Zona Ribeirinha ”Entre Pontes”, nº 1 – Tel.: 282 413 667 / 936 433 885; Meco, Zona Ribeirinha ”Entre Pontes”, nº 2 – Tel.: 282 424 862 / 968 080 305; Peixarada, Largo da Barca, nº 10 – Tel.: 282 484 175; Forte e Feio, Largo da Barca, nº1 – Tel.: 282 413 809 / 966 030 957; Zizá, Rua Júdice Fialho, nº 18 – Tel.: 966 828 566 / 968 208 420; Retiro do Peixe Assado, Zona do Porto, Antiga Fábrica Feu – Tel.: 919 999 819).

A Sardinha no Pão promete encher a zona ribeirinha de Portimão do mais tradicional e característico aroma da sardinha assada e vai estar à venda nos pontos da GEJUPCE e do Boa Esperança junto à Antiga Lota. Para os que menos apreciarem a sardinha assada, os menus de petiscos regionais são uma opção.

Destaque para o excelente cartaz de artistas nacionais que, todas as noites, pelas 22h00, sobem ao palco e que por si só são motivo para uma visita ao Festival. Dia 12/08 – Tony Carreira (Festa Continente); Dia 13/08 – Volume2dois; Dia 14/08 – Tiago Bettencourt; Dia 15/08 – Diogo Piçarra; Dia 16/08 – António Zambujo.

Há Música no Coreto, diariamente, entre as 19h30 e as 21h30, a cargo da Junta de Freguesia de Portimão, com sonoridades várias que vão desde o Fado à Música Popular e Música anos 60, 70 e 80. A animação de rua também será uma constante no eixo da zona ribeirinha.

O artesanato tem uma presença obrigatória neste evento que conta com a participação de expositores, que representam artesanato local, nacional e internacional, para além de stands dedicados ao sector agro-alimentar e à doçaria, estará presente, no interior da Antiga Lota uma montra do que se faz e produz na região, onde será possível apreciar as sardinhas do projeto “CARDUME”, uma iniciativa da Galeria XXI.

A chegada ao Festival da Sardinha poderá ser feito de diversas formas. Quem se deslocar de carro, poderá estacionar no Largo do Dique (5 minutos a pé); nos parques cobertos na Alameda (10 minutos a pé) e no Largo 1º de Maio (5 minutos a pé), na zona “Entre Pontes” (2 minutos a pé) e no Parque de Feiras e Exposições (10 minutos a pé). O Vai e Vem – Circuito Urbano de Portimão – é outra das hipóteses para chegar ao Festival da Sardinha, para quem se desloca entre a Zona Ribeirinha e a Praia da Rocha, através da Linha nocturna 3N que assegura a ligação Largo do Dique/Fortaleza (Praia da Rocha).

O Festival da Sardinha começa pelas 19h00, do dia 12 de agosto, e encerra diariamente à 01h00. O acesso é livre.

Este evento é organizado pela Câmara Municipal de Portimão, e conta com o patrocínio do grupo NoSoloágua; Algareventos; Delta Cafés; Unicer/Super Bock; Dona Barca; Pastelaria Arade; Socialgar Seguros; a que se associam como parceiros a ATP – Associação Turismo de Portimão; o Turismo do Algarve, a Junta de Freguesia de Portimão; APS – Administração do Porto Sines; EMARP e a Associação de Bombeiros Voluntários de Portimão e tem como rádio oficial, Alvor FM.

Toda a programação do Festival da Sardinha pode ser consultada em www.festivaldasardinha.pt.

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *