Felgueiras, Sociedade

Executivo visitou as obras realizadas no Complexo das Piscinas Municipais de Felgueiras

DSC_4927O presidente da Câmara Municipal, Inácio Ribeiro e o vereador do Desporto, João Sousa, visitaram as instalações do Complexo das Piscinas Municipais para se inteirarem da conclusão das obras de beneficiação e de eficiência energética naquele importante equipamento da autarquia.

O presidente da Câmara realçou: “Associada à intervenção de beneficiação há a preocupação de se proceder à eficiência energética de todo o espaço, a fim de se reduzir aos custos com a energia”.

O autarca sublinhou que o Complexo das Piscinas “é um importante equipamento desportivo”, mencionando o facto de este “acolher a população, bem como as associações desportivas, a nível nacional, e tem condições excelentes para isso”.

Inácio Ribeiro justificou a obra referindo que “as boas condições deste equipamento são fundamentais para a prática dos mais variados desportos” e salientou que “Felgueiras tem nadadores que treinam aqui e que obtêm excelentes resultados” dando como exemplo o clube de natação de Felgueiras – Foca.

A intervenção que se encontra em execução na Piscina de Felgueiras, incide essencialmente em duas áreas, os trabalhos de construção civil e os trabalhos de AVAC e eficiência energética.

A empreitada passa por retificar os tetos e paredes interiores degradados para posterior pintura, reabilitação dos balneários/sanitários, alteração de portas interiores e exteriores  (aumentando a largura das portas dos balneários para facilitar o acesso aos utentes de mobilidade condicionada). Substituição do sistema de impermeabilização e isolamento térmico das coberturas planas, reforço do isolamento térmico, conclusão dos trabalhos na zona do squash, substituição de claraboias e afinação geral de serralharias exteriores e melhoria do sistema de tratamento de água.

Quanto aos trabalhos de  eficiência energética, estão a instalar um sistema de coletores solares e respetivos depósitos de acumulação, de novas unidades de tratamento de ar , grupos eletrobombas e a completar a instalação do equipamento anteriormente fornecido, como sejam o caso da caldeira, da unidade desumidificadora, de diversas unidades de tratamento de ar novo. Estão a ser colocadas mantas térmicas nos tanques, para diminuir as perdas de calor e de evaporação da água.

Com os equipamentos que se estão a instalar prevê-se uma diminuição de consumos energéticos na ordem dos 35 a 40 %.

Para gestão de todos estes equipamentos será instalado um sistema de gestão técnica centralizado, que permitirá ainda a monitorização dos consumos de energia, que poderão ainda aumentar a diminuição dos consumos com otimização do sistema, através desta monotorização.

O orçamento deste melhoramento ascendeu aos 900 mil euros, tendo os trabalhos de construção civil sido cofinanciados pelo FEDER em 85%, (295.191,19 €) considerando um montante elegível de 347.283,75€. No que respeita aos melhoramentos de eficiência energética são totalmente suportados pela autarquia.

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *