Cultura, Palmela

“Rosa Cão” – criação de Ainhoa Vidal, com música de Pedro Gonçalves em Palmela

Rosa Cão-page-001Nos dias 20 (21h00) e 21 (16h00) de junho, o Cine-Teatro S. João, em Palmela, recebe a visita inquietante de Rosa Cão, uma mulher, metade rosa, metade cão, metade controle, metade selvagem. “Rosa Cão” é um espetáculo construído em residência, onde Pedro Gonçalves, dos Dead Combo, compositor da música, trabalhará com os músicos do Conservatório Regional de Palmela, da Sociedade Filarmónica Humanitária e da Sociedade Filarmónica Palmelense “Loureiros”. Estão, também, associadas várias oficinas de dança, dinamizadas pela bailarina e coreógrafa Ainhoa Vidal.

Esta é uma história bela e intimista, que convida a uma reflexão, a partir do mundo interior desta mulher, cuja natureza feita de opostos «só a permitia existir distanciada das estruturas sociais». Um palco cheio de terra com paredes de cartão constitui o espaço cénico, que se vai desdobrando para criar novos contornos, onde passado e presente se cruzam.

O espetáculo, para maiores de seis anos, tem entrada gratuita mediante levantamento de bilhete, numa organização da Câmara Municipal de Palmela com a Artemrede.

 

Ficha técnica/Artística:

Criação, figurino e interpretação: Ainhoa Vidal

Música: Pedro Gonçalves

Luz: João Cachulo

Cenografia: Nuno Brandão

Animação: Ana Madureira

Participação especial de músicos do Conservatório Regional de Palmela, da Sociedade Filarmónica Humanitária e da Sociedade Filarmónica Palmelense  “Loureiros”

 

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *