Montijo, Sociedade

Santa Casa da Misericórdia de Canha no Montijo com mais viaturas

SCMCanha (2)Na passada sexta feira, dia 20 de Fevereiro, o Ministro da Solidariedade, Emprego e Segurança Social, Pedro Mota Soares, e o presidente da Câmara Municipal do Montijo, Nuno Canta, estiveram presentes na entrega à Santa Casa da Misericórdia em Canha de três novas viaturas ao abrigo do Fundo de Socorro Social.

As viaturas, que vão estar ao serviço do Centro de Dia e do transporte de doentes, receberam a bênção do  capelão Abrão Kasisa.

Depois de uma visita à Unidade de Cuidados Continuados integrados inaugurada a 25 de janeiro, a provedora da Santa Casa da Misericórdia, Honorina Silvestre, agradeceu a ajuda que têm recibo do estado através do Fundo de Socorro Social, desta feita para aquisição de três viaturas. Apoio no valor 45.000,00€.

A provedora sublinhou, no entanto, que “fruto dos investimentos realizados a tesouraria tem um equilíbrio débil e precisa do vosso apoio, para que voltemos a um equilíbrio desejado”, recordando que a instituição serve uma comunidade muito carenciada e tem um papel fulcral na freguesia. “Somos o maior empregador da região. Dificilmente encontrará em Canha uma família que não tenha um utente na instituição, ou um familiar a trabalhar connosco ou que de alguma forma receba o nosso apoio”, disse.

Pedro Mota Soares esclareceu ter noção da realidade da instituição. “Percebo bem a dificuldade que é servir uma população muito dispersa ao longo deste território, o que implica, como é óbvio do ponto de vista das estruturas quer humanas e materiais, um apoio redobrado, por isso tivemos muito cuidado ao atribuir o Fundo Socorro Social e redirecioná-lo para uma área muito importante, exatamente a da qualidade que a instituição precisa ter”.

“O serviço que estas instituições fazem é essencial. Cabe ao estado dar-lhes condições, sustentabilidade e o fortalecimento necessário para que estas continuem a poder fazer aquilo que efetivamente sabem. Sou daqueles que acredita que quando essa resposta é gerida por uma instituição social, nós conseguimos chegar com os recursos financeiros que temos a mais pessoas, com mais qualidade” afirmou o ministro.

A cerimónia contou também com a presença de Ana Clara Birrento, diretora do Centro Distrital de Setúbal da Segurança Social, e de Armando Piteira, presidente da Junta de Freguesia de Canha, entre outros convidados.

 

O momento serviu ainda para o descerrar de uma placa comemorativa da visita do ministro à instituição.

 

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *